Datena pode concorrer à prefeitura de São Paulo em 2016

Segundo o colunista Flávio Ricco, dois partidos já sondaram o interesse do apresentador no cargo. Há um ano, ele disse que não teria estômago para a política

São Paulo – O apresentador da Rede Bandeirantes José Luiz Datena pode ser a grande surpresa da corrida eleitoral pela prefeitura de São Paulo em 2016. Se isso acontecer, ele será mais um concorrente de peso para a reeleição do atual prefeito Fernando Haddad (PT), que já terá que enfrentar Celso Russomanno (PRB), o deputado federal mais votado do Brasil no pleito de 2014, e provavelmente a ex-petista Marta Suplicy.

Segundo informações da coluna do jornalista Flávio Ricco, do UOL, Datena já admite ter sido consultado por dois partidos e estaria bem cotado ao cargo em pesquisas de bastidor.

“Realmente fui sondado e passei a analisar se vale a pena ou não. Quem sabe não posso ajudar”, disse ao UOL. “Está tudo tão ruim, que estou propenso a aceitar. Eu sou honesto. Não sou vagabundo e não roubo, ao contrário do que existe por aí. E mesmo que eu decida sair, só vou me filiar no tempo certo. Dois ou três dias antes de esgotar o prazo.”

Em 2011, rumores a respeito de uma candidatura para as eleições de 2012 tomaram a internet, mas nunca foram confirmadas desta forma pelo apresentador. Há pouco mais de um ano, inclusive, Datena declarou em seu programa “Brasil Urgente” que jamais seria candidato.

Revoltado com as imagens de idosos em condições deploráveis em um hospital da cidade, ele afirmou que “É por isso que não quero e nunca serei político. Porque não tenho estômago. Eu teria vergonha por ver um problema e não conseguir resolver”. As declarações, em tese, o tirariam de vez do jogo político.

Até o momento, o apresentador da Bandeirantes ainda não respondeu aos pedidos de entrevista de EXAME.com