Transporte de passageiros em trens e metrôs cresce 8%

Por outro lado, o crescimento da malha ferroviária não acompanhou esse ritmo, apresentando uma expansão de apenas 3,2% em 2012

Brasília – O número de passageiros transportados em trens e metrôs no País em 2012 chegou a 2,6 bilhões, com crescimento de 8% em relação a 2011, de acordo com balanço divulgado nesta terça-feira, 04, pela Associação Nacional dos Transportadores de Passageiros sobre Trilhos (ANPTrilhos). Para 2013, a entidade estima uma expansão maior, de 10%.

Por dia, a média de passageiros transportados no modal foi de 9 milhões no ano passado. Isso representou um aumento de 3,8% em relação a 2011, nesse critério.

Por outro lado, o crescimento da malha ferroviária de passageiros não acompanhou esse ritmo, apresentando uma expansão de apenas 3,2% em 2012.

O documento da ANPTrilhos destaca que nenhum novo sistema de transporte de passageiros sobre trilhos foi implantado no Brasil desde 2010. A rede total do País no modal urbano de passageiros tem 1.028 quilômetros de extensão.

“A infraestrutura não tem acompanhado o crescimento da demanda. Mesmo com o crescimento do número de passageiros nos últimos anos, o resultado ainda é muito baixo. Apenas Xangai (na China) chega a transportar 7 milhões de pessoas por dia no sistema de trens e nós estamos com 9 milhões”, afirmou o presidente da entidade, Joubert Flores, que lembrou que existem apenas 15 sistemas urbanos de transporte de passageiros sobre trilhos no Brasil.

O consumo das operadoras de transporte público sobre trilhos em 2012 foi de 1,8 gigawatt/hora (GWH), equivalente a cerca de 0,5% do consumo total do País.

“Nosso maior pleito é que retorne o benefício sobre a eletricidade utilizada para o transporte de passageiros. No passado, havia um desconto de 75% sobre o uso dessa energia. Seria uma oportunidade de aumentarmos o uso desse transporte sustentável e não poluente”, completou Flores.