Corpo de atirador de Realengo segue há cerca de 90 horas no IML

Família tem até dia 22 de abril para recolher Wellington Menezes de Oliveira do IML

Rio de Janeiro – Nenhum parente do atirador de Realengo, Wellington Menezes de Oliveira, apareceu no Instituto Médico Legal (IML) do Rio de Janeiro, até o momento, para identificar o corpo e liberá-lo para o enterro. Por isso, o corpo já está no IML há cerca de 90 horas, desde que foi retirado da Escola Municipal Tasso da Silveira, onde Wellington matou 12 crianças, feriu 12 e se matou em seguida.

De acordo com a Polícia Civil, a família tem até o dia 22 de abril para comparecer ao IML, com a devida documentação, para liberar o corpo. Caso contrário, Wellington será enterrado como indigente.