Convite a Ministério da Saúde é mera especulação, diz presidente da Caixa

Gilberto Occhi afirmou que hoje está na Caixa e tem "muito a contribuir"

São Paulo – O presidente da Caixa Econômica Federal, Gilberto Occhi, descartou que tenha recebido convite para ocupar o posto de ministro da Saúde no governo Temer. “Continuo na Caixa Econômica e o convite para ministério é mera especulação”, afirmou em conversa com jornalistas em São Paulo, após apresentar o resultado do banco em 2017. “Continuo trabalhando e sou funcionário de carreira, estou muito feliz e o resultado está sendo favorável. Não vou discutir especulações. Hoje estou na Caixa e tenho muito a contribuir”, acrescentou.

Occhi também comentou que considera saudável as mudanças para escolha de diretores dos bancos públicos, a partir das quais o Banco Central terá poder de aprovação ou veto.

“Está previsto na aprovação do estatuto do banco mudanças e isto é adequado para a governança e não temos posição contrária. Até porque o estatuto foi aprovado pelo Conselho Diretor, levado ao Conselho de Administração e homologado na Assembleia Geral. Isso ajuda a Caixa”, afirmou o presidente da Caixa.