Cidade do interior de SP multará quem desperdiçar água

Quem for flagrado lavando veículos, calçadas ou quintais terá de desembolsar R$ 50, valor que dobrará em caso de reincidência

Franca – A Prefeitura de Brodowski, no interior de São Paulo, resolveu multar quem desperdiçar água. A partir desta semana, quem for flagrado lavando veículos, calçadas ou quintais terá de desembolsar R$ 50, valor que dobrará em caso de reincidência.

Na cidade, 60% da população está com as torneiras secas desde quarta-feira passada, 16, quando uma bomba ligada ao principal reservatório quebrou.

De acordo com o Serviço Autônomo de Água e Esgoto, a situação na cidade é crítica e os moradores prejudicados estão sendo atendidos por caminhões-pipa.

O equipamento estragado está sendo consertado por equipes de São Paulo, mas o trabalho é complicado e a previsão é de que a bomba volte a funcionar somente no decorrer da próxima semana.

A tubulação de água que serve à bomba fica a quase 700 metros de profundidade. Na cidade, as áreas mais prejudicadas ficam localizadas nas partes mais altas, incluindo a região central. No total, serão 15 dias sem água e a prefeitura tem usado até carros de som para pedir a quem tem ainda o líquido, que somente o use em atividades realmente essenciais.

Seca

O problema da falta de água na região não é exclusividade de Brodowski. Na cidade vizinha Batatais, o abastecimento é irregular e já existe racionamento, medida esta que também foi tomada nesta semana por Cristais Paulista. No município, os moradores agora ficam sem água por mais de dez horas todos os dias.