Cedae diz que ultrapassou meta para 2018 de coleta de esgoto

Segundo o presidente da Cedae, Wagner Victer, a empresa ultrapassou a meta prevista para 2018, que era de 80% da coleta

Rio de Janeiro – A Companhia Estadual de Águas e Esgotos do Rio (Cedae) inaugurou, hoje (11), a Estação Elevatória Alvorada, na Barra da Tijuca, zona oeste da capital fluminense, que beneficiará 80 mil habitantes.

A Barra é considerada o bairro que mais cresceu no Rio, nos últimos anos. Segundo o presidente da Cedae, Wagner Victer, a empresa ultrapassou a meta prevista para 2018, que era de 80% da coleta.

“Com a conclusão desta e das três obras que estão em fase final de execução – Eixo Barra/Recreio dps Bandeirantes, Eixo Olímpico e Lagoa da Tijuca Norte –, o bairro estará, em 2016, com 100% do seu sistema com coleta de esgoto e tratamento final”, disse.

De acordo com a Cedae, a estação foi projetada dentro de modernas técnicas de arquitetura, em forma de prisma metálico e transparente. As principais máquinas estão instaladas em galerias subterrâneas, com redução de consumo de energia elétrica e sistema de eliminação de odores, além de baixo nível de ruído. Com capacidade para bombear 100 litros de esgoto por segundo, a unidade vai conectar a região.

Segundo a companhia, as obras serão custeadas pelas construtoras responsáveis pelos empreendimentos imobiliários residenciais e comerciais, deixando a cargo da Cedae a manutenção e a operação do sistema.

Pelo contrato, serão implantados 1.780 metros de coletor de esgotos; ampliação e automatização da Estação Elevatória de Esgotos Santa Mônica, na Avenida Célia Ribeiro da Silva e interligações complementares.