‘Casa da Árvore’ chama atenção no Rio de Janeiro

De estilo eclético e em ruínas atualmente, a casa pertenceu ao líder comunista Luiz Carlos Prestes

Rio de Janeiro – Uma árvore que nasceu no telhado de uma casa no Rio de Janeiro, na qual o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso passou seus primeiros anos de vida, voltou a florescer este ano apesar de suas raízes terem se fixado às paredes da casa já em ruínas e longe da terra.

O curioso fenômeno foi observado nesta sexta-feira pela Agência Efe em uma visita à casa número 40 da Rua Bambina em Botafogo, zona sul do Rio.

Esta construção particular é conhecida como ”Casa da Árvore”, e também por ter sido a residência de FHC durante a sua infância.

De estilo eclético e em ruínas atualmente, a casa pertenceu também ao líder comunista Luiz Carlos Prestes, um dos principais dirigentes do Partido Comunista e cuja vida foi marcada pelo exílio e perseguições.

Segundo o historiador Milton Teixeira, citado no site ”Topbooks.com.br”, o porão da casa serviu como uma senzala no século XIX. Já na época em que Cardoso viveu ali havia um galinheiro no pátio.