Bruno Covas tem sangramento no fígado durante exame e está na UTI

Prefeito de São Paulo, que está em tratamento por causa de um câncer no trato digestivo, sofreu um sangramento após um procedimento

São Paulo — O prefeito de São Paulo, Bruno Covas, teve um sangramento no fígado após um exame no Hospital Sírio Libanês e foi encaminhado para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

O boletim médico, divulgado às 18h15 desta quarta-feira (11), aponta que o sangramento hepático aconteceu após um procedimento para “demarcação da lesão tumoral”.

A intervenção foi feita com sucesso e ele foi encaminhado para a UTI “com o objetivo de monitorização constante.”, também segundo a nota.

O prefeito está em tratamento para um câncer no aparelho digestivo, diagnosticado em outubro.

Há dois dias, na segunda-feira, a equipe médica do prefeito informou que o câncer estava em estágio de cicatrização, e que as outras lesões existentes no fígado e sistema linfático reduziram de tamanho.

O índice de marcadores tumorais no sangue do prefeito havia sido reduzido em 90% após três sessões de quimioterapia, com mais cinco sessões prescritas até fevereiro.