Bolsonaro fará nova cirurgia e diz que ficará afastado por 10 dias

Segundo o canal Globo News, o presidente da República se submeterá a intervenção para controlar uma hérnia decorrente da incisão anterior

O presidente Jair Bolsonaro deve se submeter a uma nova cirurgia na semana que vem, informou o canal Globo News. O médico Antônio Luiz Macedo, que o operou da facada sofrida no ano passado, em Minas Gerais, declarou que a intervenção será no próximo domingo, 8, no Hospital Vila Nova Star, no Itaim Bibi, Zona Sul da capital paulista.

Em sua conta do Twitter, Bolsonaro disse que ele “curtirá” dez dias de férias com os médicos em breve.

De acordo com o canal Globo News, o presidente passou por reavaliação médica com Macedo e com o cardiologista Leandro Echenique na manhã deste domingo. Posteriormente, Bolsonaro seguiu de helicóptero para uma igreja evangélica na região central da cidade, onde participa de um culto religioso.

Segundo Macedo, uma “hérnia na incisão cirúrgica” anterior feita na barriga de Bolsonaro acabou aparecendo. O problema pode ocorrer, de acordo com especialistas, quando há algum enfraquecimento do tecido da barriga.

O médico da Presidência da República, Ricardo Peixoto Camarinha disse, em nota distribuída pela assessoria de imprensa do Palácio do Planalto, que a hérnia surgiu “em decorrência das intervenções cirúrgicas previamente realizadas”.

No ano passado, no dia 6 de setembro, o então candidato à presidência da República foi foi esfaqueado em Juiz de Fora, Minas, durante campanha eleitoral.