Ato contra impeachment em SP teve 50 mil pessoas

Até a noite de ontem, a Polícia Militar (PM) informava que havia 3 mil pessoas no ato

A Secretaria de Segurança Pública de São Paulo corrigiu a sua estimativa de público na manifestação de ontem (16) na capital paulista contra o impeachment da presidenta Dilma Rousseff.

Até a noite de ontem, a Polícia Militar (PM) informava que havia 3 mil pessoas no ato.

Em comunicado divulgado no final da manhã de hoje (17), o número foi revisto para 50 mil participantes no ápice do protesto.

“O registro de 3 mil manifestantes refere-se ao início da manifestação, atingindo 50 mil manifestantes no seu ápice, pela contagem da PM”, afirma a nota.

“Foi noticiado apenas 3 mil manifestantes como número total, confundindo e desinformando a população”, diz a secretaria.

A manifestação organizada por movimentos sociais e sindicais contra o impeachment de Dilma teve início por volta das 17h no vão-livre do Museu de Arte de São Paulo (Masp), região central da capital.

Quase uma hora depois, os manifestantes saíram em caminhada pela Avenida Paulista, Rua da Consolação e Avenida Ipiranga, encerrando o ato na Praça da República.