Atividade física ajuda na prevenção da osteoporose

Criado em 2011 pela portaria n. 719, o programa visa instalar quatro mil unidades da Academia da Saúde até 2014

Brasília – Na véspera do Dia Mundial de Combate à Osteoporose, o ministro da Saúde, Alexandre Padilha, destacou hoje (19) a atividade física como uma das principais formas de combate à doença. Segundo ele, o Programa Academias da Saúde, que destina dinheiro para compra de equipamentos públicos de atividade física, é a principal ação do ministério de prevenção da osteoporose.

Criado em 2011 pela portaria n. 719, o programa visa instalar quatro mil unidades da Academia da Saúde até 2014. Serão atendidos os municípios com mais de 100 mil habitantes. Os municípios menores seguirão critérios alinhados com o Programa Brasil sem Miséria, de acordo com informações no Portal Saúde, do Ministério da Saúde.

O exercício físico auxilia a renovação celular dos ossos, tornando-os mais fortes e menos suscetíveis a fraturas. O ministro afirmou que desde a implantação do programa, houve “uma redução em 83% no uso de medicamentos para hipertensão e diabetes e em 32% de antidepressivos”, nos municípios onde funcionam as academias.