As 50 cidades mais inovadoras do Brasil

Estudo da Urban Systems revela as cidades brasileiras que se destacam por fazerem a diferença quando o assunto é tecnologia e inovação. Veja quais são elas!

São Paulo – Entre as cidades  que mais apostam  em soluções inteligentes, algumas se destacam por fazerem a diferença quando o assunto é tecnologia e inovação. É o que revela o ranking Connected Smart Cities, da consultoria Urban Systems

Para chegar ao resultado, o levantamento analisou 12 indicadores em 662 municípios brasileiros.

Neste ano, o título de cidade mais inovadora e que usa a tecnologia ficou para São Paulo. No ano passado, esse posto  pertencia ao Rio de Janeiro.

A capital paulista aparece na primeira posição pela qualidade na oferta de infraestrutura de comunicação, como serviço de internet 4G, fibra ótica e banda larga de alta velocidade, segundo o estudo. 

A inauguração da primeira unidade de Laboratório de Fabricação Digital (Fab Lab) no ano passado também contribuiu para que São Paulo alcançasse o topo do ranking. Os Fab Labs oferecem aos estudantes da rede pública cursos de técnicas de fabricação digital e acesso a maquinas de produção, como impressoras 3D. 

A experiência fica de modelo para outras cidades. Neste ano, Curitiba (PR) aproveitou o histórico de inovações e conseguiu subir 8 posições – hoje está na 8ª posição do ranking. O bom desempenho veio em resposta ao investimento em banda larga.

Na tabela abaixo, você vê as 50 cidades que receberam as maiores pontuações em 2016:

Ranking Cidade Pontuação
São Paulo (SP) 6,401
Rio de Janeiro (RJ) 6,218
Florianópolis (SC) 5,135
Porto Alegre (RS) 4,754
Brasília (DF) 4,682
Campinas (SP) 4,659
Belo Horizonte (MG) 4,612
Curitiba (PR) 4,293
Recife (PE) 4,128
10º Salvador (BA) 3,767
11º Fortaleza (CE) 3,743
12º São Carlos (SP) 3,733
13º Goiânia (GO) 3,614
14º Campo Grande (MS) 3,605
15º Vitória (ES) 3,589
16º São José dos Campos (SP) 3,585
17º Niterói (RJ) 3,504
18º Belém (PA) 3,381
19º Maringá (PR) 3,374
20º Ribeirão Preto (SP) 3,320
21º Natal (RN) 3,274
22º Santa Maria (RS) 3,224
23º Londrina (PR) 3,049
24º João Pessoa (PB) 3,029
25º Teresina (PI) 2,958
26º Santo André (SP) 2,950
27º Cuiabá (MT) 2,943
28º Uberlândia (MG) 2,917
29º Manaus (AM) 2,908
30º Campina Grande (PB) 2,906
31º Barueri (SP) 2,883
32º Juiz de Fora (MG) 2,870
33º Osasco (SP) 2,815
34º Campos dos Goytacazes (RJ) 2,785
35º São José do Rio Preto (SP) 2,770
36º Piracicaba (SP) 2,766
37º Santos (SP) 2,750
38º São Bernardo do Campo (SP) 2,710
39º Camaçari (BA) 2,695
40º Indaiatuba (SP) 2,657
41º São Caetano do Sul (SP) 2,652
42º Rio Branco (AC) 2,635
43º Palmas (TO) 2,630
44º Joinville (SC) 2,627
45º Maceió (AL) 2,613
46º Aracaju (SE) 2,608
47º Canoas (RS) 2,581
48º Petrópolis (RJ) 2,579
49º Cascavel (PR) 2,571
50º Pelotas (RS) 2,552