As 10 cidades brasileiras que mais perderam empregos em 2017

Pelo segundo ano consecutivo, o Rio de Janeiro (RJ) foi a cidade que mais fechou postos de trabalho com carteira assinada

São Paulo – Entre janeiro e dezembro do ano passado, o Brasil perdeu mais de 20,8 mil postos de trabalho com carteira assinada.

Mesmo assim, 2017 apresentou resultados melhores do que o registrado em 2016, quando o saldo negativo de empregos ficou em 1,3 milhão de vagas. Os dados são do Ministério do Trabalho, que tem como base o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged).

Algumas cidades brasileiras, segundo o levantamento, puxaram a maré da baixa geração de emprego. É o caso do Rio de Janeiro (RJ), que, pelo segundo ano consecutivo, teve o pior desempenho do país – o saldo de demissões foi de 55.527, sendo mais de 30,2 mil só no setor de serviços.

O resultado, porém, é melhor em relação ao ano anterior, quando foram cortadas 138,9 mil vagas na capital fluminense.

Em segundo lugar no ranking aparece São Paulo (SP), que perdeu 14.621 postos de trabalho, a maior parte deles cortados na construção civil. Porto Alegre (RS) e Macaé (RJ) aparecem na sequência, com 9.607 e 9.607 vagas fechadas, respectivamente.

As que mais geraram empregos

Na contramão, Joinville, no Norte de Santa Catarina, criou 5.588 vagas no acumulado do ano passado, abertas principalmente pelo setor de serviços, e ficou na liderança nacional de geração de empregos em 2017.

A tendência foi acompanhada em Aparecida de Goiânia (GO), que fechou o ano com saldo positivo de 4.342 postos de trabalho pelo bom desempenho no setor de construção civil, e em Bebedouro (SP), onde foram criadas 4.203 vagas, sendo a maioria bertas pelo setor agropecuário.

VEJA O RANKING DAS CIDADES QUE MAIS DEMITIRAM

Ranking Cidade Empregos Jan/Dez 2017 Setor que mais perdeu empregos
Rio de Janeiro (RJ) -55527 Serviços – 30.292
São Paulo (SP) -14621 Construção Civil – 19.402
Porto Alegre (RS) -9607 Serviços –  5.554
Macaé  (RJ) -8904 Construção Civil – 5.210
Duque de Caxias  (RJ) -8329 Serviços – 4.247
Curitiba (PR) -7920 Serviços – 3.208
Canaã dos Carajás (PA) -5909 Construção Civil – 5.006
Recife (PE) -5464 Construção Civil – 2.574
Lauro de Freitas (BA) -5361 Serviços – 6.420
10º Osasco (SP) -5173 Serviços – 2.309
Veja também