Arena Pantanal muda previsão e será entregue em março

Secopa-MT confirmou que estádio será entregue somente em março, após previsão de que seria liberado ainda em fevereiro

Cuiabá – A Secretaria Extraordinária para a Copa do Mundo em Mato Grosso (Secopa-MT) confirmou nesta terça-feira que a Arena Pantanal será entregue somente em março, após previsão de que o estádio seria liberado ainda em fevereiro. A expectativa inicial havia sido informada pelo próprio secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, em visita à Cuiabá, no mês passado.

“Em março, a arena será entregue. Isso está sendo acompanhado tanto pelo Ministério do Esporte quanto pela Fifa diariamente. Inclusive já há áreas da arena sendo liberadas para montar estruturas da Copa. Estamos preocupados em entregar em março a arena concluída”, afirmou o secretário da Secopa-MT, Maurício Guimarães, que evitou prever a data da entrega do estádio. “Em momento oportuno vamos anunciar o dia”.

A Secopa anunciou também que o estádio alcançou a marca de 95% de conclusão. Ainda há trabalhos sendo realizados na cobertura, na pavimentação externa e na estrutura da tecnologia da informação. Os assentos continuam sendo instalados, após atraso em razão de um imbróglio ocorrido ainda no ano passado.

“Houve no passado problemas relacionados com órgãos de controle, um episódio relacionado aos assentos, mas considero que tudo está superado e que Cuiabá e Mato Grosso vão se preparando de acordo com nossas expectativas para a realização de uma grande Copa do Mundo aqui na cidade”, disse o ministro do Esporte, Aldo Rebelo, presente na obra nesta terça.

O atraso na instalação das cadeiras se deveu a uma suspeita de superfaturamento no valor cobrado pela empresa Kango do Brasil Ltda, que foi a vencedora da licitação. O governo do Mato Grosso chegou a programar um novo pregão presencial, mas a Desk Móveis Escolares Produtos Plásticos Ltda, única participante, foi acusada de ser inidônea, o que a impediria de assinar contratos com a administração pública.

Por fim, houve um acordo no final de outubro com a Kango, que aceitou reduzir o valor que receberá pela venda dos assentos, o que garantiu uma economia de aproximadamente R$ 1,5 milhão aos cofres do governo estadual.

Ainda sem data para ser entregue, a Arena Pantanal já tem agendado seu primeiro jogo. O evento-teste para a Copa será o duelo entre Mixto-MT e Santos, no dia 2 de abril, pela Copa do Brasil.