Após reunião com Dilma, Orlando diz que fica no cargo

O ministro disse que apresentou à presidenta um relatório contestando ponto a ponto as denúncias feitas pelo policial militar João Dias

Brasília – Terminou há pouco a reunião da presidenta Dilma Rousseff com o ministro do Esporte, Orlando Silva. Ao final do encontro, no Palácio do Planalto, que começou às 19h, o ministro disse que apresentou à presidenta um relatório contestando ponto a ponto as denúncias feitas pelo policial militar João Dias Ferreira em reportagem da revista Veja.

Nós conseguimos provar a atitude correta que temos no Ministério do Esporte, disse Orlando Silva. O ministro também falou que ofereceu a quebra do sigilo bancário, fiscal e telefônico, segundo ele, “porque quer a transparência máxima”.

De acordo com Orlando Silva, a presidenta Dilma sugeriu serenidade e paciência e reafirmou “confiança e solidariedade”. A parte final da reunião de cerca de uma hora e meia, segundo o ministro, foi dedicada a assuntos do ministério.