Após operação da polícia, Vale diz que está colaborando com autoridades

O Ministério Público de São Paulo e a Polícia Civil cumprem na manhã desta terça doze mandados de busca e apreensão e cinco de prisão contra engenheiros

São Paulo – A Vale enviou na manhã desta terça-feira, 29, nota à imprensa dizendo que está contribuindo com as investigações, sem citar nominalmente a operação policial que ocorre em São Paulo atendendo a pedido da Justiça de Minas Gerais.

“Referente aos mandados cumpridos nesta manhã, a Vale informa que está colaborando plenamente com as autoridades. A Vale permanecerá contribuindo com as investigações para a apuração dos fatos, juntamente com o apoio incondicional às famílias atingidas”, diz, em nota a companhia.

12.

Veja também

O Ministério Público de São Paulo e a Polícia Civil cumprem na manhã desta terça-feira doze mandados de busca e apreensão e cinco de prisão contra engenheiros que atestaram a segurança da barragem 1 da Mina do Feijão, em Brumadinho, que se rompeu na última sexta-feira, 25. Dois engenheiros forma presos em São Paulo.