Apenas dez líderes partidários comparecem a jantar com Temer

Em um rápido discurso, o presidente pediu que parlamentares aprovassem as matérias econômicas de interesse do governo para a retomada do crescimento

Brasília – Apenas dez líderes partidários participaram de jantar com o presidente Michel Temer na noite desta segunda-feira, 22, na residência oficial do presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

Estiveram no local enquanto Temer esteve presente os líderes de PP, PSB, PR, PSD, Podemos (ex-PTN), DEM, PSDB, PMDB, PRB e PTdoB.

Os líderes do governo na Câmara, Aguinaldo Ribeiro (PP-PB), e no Congresso, deputado André Moura (PSC-SE), também compareceram.

Temer passou pouco tempo no local. Foram pouco mais de 30 minutos de conversa com os parlamentares. No total, a assessoria de imprensa do Palácio do Planalto diz que cerca de 20 políticos marcaram presença no jantar.

Em um rápido discurso, o presidente pediu que parlamentares aprovassem as matérias econômicas de interesse do governo para a retomada do crescimento.

“Ele pediu para que não parássemos”, afirmou um dos líderes presentes.

Após retirar pedido para que Supremo Tribunal Federal (STF) suspendesse a continuidade do inquérito contra o presidente, o governo tenta reaglutinar a base aliada no Congresso para dar ares de normalidade à gestão.

Para isso, marcou votações de quatro medidas provisórias para os próximos dias. Na noite do domingo, o presidente também se reuniu com aliados no Alvorada.