Lula se entregou à Polícia Federal e foi preso em Curitiba. Veja como foi

Lula se entregou à Polícia Federal e foi preso neste sábado depois de dois dias de expectativas. Veja o que aconteceu minuto a minuto

São Paulo e São Bernardo do Campo — O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), condenado a 12 anos e 1 mês de prisão por corrupção e lavagem de dinheiro, foi preso nesta noite em São Bernardo do Campo (SP).

Lula era, desde a última quinta-feira (5), alvo de uma ordem de prisão expedida pelo juiz Sérgio Moro. O petista tinha até as 17h desta sexta-feira (6) para se apresentar à Polícia Federal. O prazo foi ignorado por ele, que permaneceu desde a noite de quinta-feira no Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em São Bernardo do Campo (SP). Lula se entregou por volta de 18h40 neste sábado

VEJA COMO FOI, MINUTO A MINUTO, A MOVIMENTAÇÃO PARA A PRISÃO DE LULA


22:45 — Encerramos aqui nossa cobertura ao vivo da prisão do ex-presidente Lula

Veja todas as notícias sobre Lula


22h30 — Lula chega à Superintendência da PF em Curitiba, onde ficará preso

O helicóptero que transportou Lula do aeroporto Afonso Pena à Superintendência da Polícia Federal em Curitiba acaba de pousar. Lula deve ter algum tempo para falar com seus advogados antes de ser encarcerado na sala especial reservada para ele. O ex-presidente começa, assim, a cumprir a pena de 12 anos e 1 mês a que foi condenado por corrupção e lavagem de dinheiro.

Conheça a sala onde Lula ficará preso


22h20 — Helicóptero com Lula decola rumo à Superintendência da PF em Curitiba

Lula já está a caminho da Superintendência da Polícia Federal em Curitiba. Um helicóptero levando o ex-presidente acaba de decolar do aeroporto Afonso Pena, na vizinha cidade de São José dos Pinhais. Em menos de 10 minutos, deve chegar ao destino, 24 km distante.


22h10 — Lula chega a Curitiba e deve seguir para a prisão na PF

O avião da Polícia Federal que transportou o ex-presidente Lula de São Paulo a São José dos Pinhais, na região metropolitana de Curitiba, acaba de pousar. Lula está no aeroporto Afonso Pena, que fica a 24 km da sede da Polícia Federal, onde ficará preso. O trajeto até a PF deverá ser feito em helicóptero.


22h00 — A trajetória de Lula, de preso político a político preso

Relembre os principais momentos da história do ex-presidente Lula, de 1964 a 2018.


21:40 — Lula é o primeiro ex-presidente preso por crime comum no país

Antes de Lula, cinco ex-presidentes da República foram detidos só que por motivações políticas.


21:10 — Seis jornalistas foram agredidos durante a prisão de Lula

Alguns militantes petistas parecem não saber conviver com a liberdade de imprensa. Pelo menos seis repórteres foram agredidos ou ameaçados por militantes neste sábado, 7, em frente ao Sindicato dos Metalúrgicos do ABC.


20:40 — Lula embarca num pequeno avião rumo a Curitiba 

O ex-presidente Lula acaba de embarcar no aeroporto de Congonhas, em São Paulo, num pequeno avião a hélice pertencente à Polícia Federal. Lula está sendo levado a Curitiba. Segundo algumas fontes, trata-se de um avião Cessna 208, monomotor com velocidade de cruzeiro de 320 km/h. Se essa informação estiver correta, o voo deve levar cerca de 1 hora e 20 minutos. O avião deve decolar em instantes.


20:30 — Rojões são disparados por todo o Brasil após prisão de Lula

Manifestações a favor da prisão do ex-presidente ocorrem em São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília e Curitiba. Rojões são ouvidos em muitas cidades.


20:20 — Lula chega ao aeroporto de Congonhas e será levado a Curitiba

O ex-presidente Lula, preso nesta noite depois de se entregar à Polícia Federal, acaba de chegar ao aeroporto de Congonhas, na zona Sul de São Paulo, depois de um curto voo de helicóptero. Lula deverá embarcar num avião rumo a Curitiba, onde começará a cumprir sua pena de 12 anos e 1 mês de prisão por corrupção e lavagem de dinheiro.


20:10 — Preso, Lula embarca em helicóptero rumo ao aeroporto de Congonhas

O ex-presidente Lula embarcou num helicóptero que deverá levá-lo da  Superintendência da Polícia Federal, no bairro da Lapa, zona Oeste de São Paulo, ao aeroporto de Congonhas, na zona Sul da cidade. Lula foi levado à PF para realizar exame de corpo de delito. Em Congonhas, um avião da FAB aguarda para levá-lo a Curitiba.


19:45 — Lula chega à Superintendência da Polícia Federal em São Paulo

O comboio da Polícia Federal que transporta o ex-presidente Lula, preso nesta noite em São Bernardo do Campo, chega agora à Superintendência da Polícia Federal, no bairro da Lapa, zona Oeste de São Paulo. Em frente ao prédio, há militantes petistas e também manifestantes contra Lula.

O ex-presidente deve ser submetido a exame de corpo de delito, obrigatório em prisões. Um médico legista estaria de prontidão com essa finalidade. O exame deve ser bastante rápido. Na sequência, Lula deve ser levado para Curitiba, onde começará a cumprir sua pena. É provável que Lula seja transportado de helicóptero da PF ao aeroporto de Congonhas. O prédio da PF tem um heliponto onde há um helicóptero já de prontidão.


19:40 — Militantes em São Bernardo ficam desolados após a prisão de Lula

Entre os militantes petistas no Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, onde Lula foi preso, o clima é de comoção e decepção com a prisão. Elisângela da Silva, 45, advogada, estava havia em dias em vigília. Ela, que é filha de um preso politico durante a ditadura militar, ficou sentada numa esquina próxima ao sindicato após o ex-presidente ter sido levado pela Polícia Federal. Ela queria que Lula resistisse à prisão: “Me sinto como se estivesse pintando uma parede com uma escada e, de repente, tivessem tirado a escada e eu tivesse ficado com o pincel na mão”, disse ela a EXAME.

Elisângela da Silva, 45, advogada e militante petista, no dia da prisão de Lula

 (Diogo Max/EXAME)


19:25 — Lula deve ser levado à Superintendência da Polícia Federal, na Lapa

O comboio da Polícia Federal que transporta o ex-presidente Lula parece estar rumando para a Superintendência da Polícia Federal, no bairro da Lapa, em São Paulo. O objetivo seria fazer o exame de corpo de delito, obrigatório quando há uma prisão.

Segundo fontes da PF, esse era o plano original, mas chegou-se a cogitar fazer o exame de corpo de delito no próprio aeroporto. Depois de feito o exame, que é bastante rápido, Lula deve ser transportado ao aeroporto de Congonhas, onde um jato da FAB aguarda para levá-lo a Curitiba. O transporte até o aeroporto poderá ser feito por helicóptero ou, novamente, por um comboio de carros.


19h05 — Comboio da Polícia Federal leva Lula preso

O comboio da Polícia Federal que leva o ex-presidente Lula segue pela via Anchieta em direção a São Paulo. Embora o destino não tenha sido divulgado, é provável que Lula seja levado ao aeroporto de Congonhas, onde um jato da FAB aguarda para levá-lo a Curitiba.


18:45 — Lula sai do prédio do sindicato e finalmente é preso

Imagens da Globonews, captadas por helicóptero, mostram o ex-presidente Lula saindo do prédio do Sindicato dos Metalúrgicos em São Bernardo do Campo. Lula atravessa a rua em meio militantes e, num prédio em frente ao sindicato, embarca num dos carros da Polícia Federal que aguardavam no local.


18:35 — Imprensa internacional repercute decisão de Lula se entregar à PF

O jornal argentino Clarín, por exemplo, ressaltou do discurso do ex-presidente o trecho em que ele disse ter negado asilo político: “Eu tive a chance de ir ao Uruguai”. Veja o que disseram outros veículos de imprensa estrangeiros.


18:30 — PF ainda aguarda entrega de Lula em Curitiba, dizem agentes

Os agentes da PF em Curitiba falam que autoridades monitoram a situação e avaliam o que fazer diante da resistência de militantes.


18:05 — A Polícia Federal deu meia hora para Lula se apresentar, diz Gleisi 

Gleisi Hoffmann falou aos militantes em frente ao Sindicato dos Metalúrgicos do ABC. Ela não pediu que liberassem os portões, mas disse que o bloqueio poderia trazer consequências negativas para a defesa de Lula. Luiz Marinho também falou aos militantes. A Polícia Federal teria dado prazo de meia hora para que Lula saia do prédio. Caso contrário, ele será responsabilizado pela situação.


18:00 — Gleisi Hoffmann, presidente do PT, pode falar aos militantes em São Bernardo

Gleisi Hoffmann, presidente do PT, subiu no carro de som em frente ao Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em São Bernardo do Campo. Especula-se que ela possa pedir aos militantes que liberem as saídas do prédio, permitindo a saída de Lula para que ele seja preso pela Polícia Federal.


17h50 — Militantes continuam impedindo a saída de Lula para ser preso

Militantes continuam bloqueando os portões do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, onde está o ex-presidente Lula. Líderes petistas tentam pedir aos militantes que liberem o caminho. O medo dos advogados de Lula é que, se for considerado que ele está resistindo à prisão, seja decretada prisão preventiva. Nesse caso, Lula poderia continuar preso mesmo que o STF revogue a prisão em segunda instância. Essa situação complicaria bastante a estratégia de defesa do ex-presidente.

Militantes petistas bloqueiam a entrada do Sindicato dos Metalúrgicos em São Bernardo, SP

 (Diogo Max/EXAME)


17:35 — Grupo pró-Lula promete vigília permanente na PF em Curitiba

Um grupo de apoiadores do ex-presidente Lula promete fazer uma vigília permanente em frente à Superintendência da Polícia Federal em Curitiba, para onde o petista deve ser levado após se entregar. Os militantes levaram comida e banheiros químicos ao local.


17:30 — Plano B do PT, Jaques Wagner troca Lula por outros compromissos

O ex-ministro Jaques Wagner, uma das opções do PT para a candidatura à Presidência da República, não foi a São Bernardo do Campo se despedir de Lula. A interlocutores, o ex-ministro disse que, como não esperava que Sérgio Moro decretasse a prisão de Lula com tanta rapidez, programou eventos no interior da Bahia para hoje.


17:05 — Militantes impedem a saída de Lula para se entregar à PF

A Polícia Federal fez uma tentativa de retirar Lula do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC para prendê-lo. Lula estava num carro acompanhado de um de seus advogados. No entanto, militantes se posicionaram à frente do carro impedindo a saída. Depois de alguns minutos de impasse, Lula saiu do carro e voltou ao interior do prédio. Durante o tumulto, os militantes petistas chegaram a arrancar um dos portões na entrada do prédio.


16:55 — Lula aparece na janela e militantes dizem para ele não se entregar

Lula apareceu brevemente na janela do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC. Militantes seguem gritando para ele não se entregar. “Cercar, cercar e não deixar prender”, gritam.

Lula, prestes a ser preso, aparece na janela do Sindicato dos Metalúrgicos

 (Diogo Max/Site EXAME)


16:45 — Comboio de carros que parecem ser da PF se aproxima do Sindicato

Imagens aéreas da Globonews mostram um comboio carros, SUVs pretos e vans brancas, seguindo em baixa velocidade em direção ao Sindicato dos Metalúrgicos. Especula-se que sejam carros da Polícia Federal, que vieram dar apoio ao transporte de Lula até o aeroporto de Congonhas.

Segundo fontes, 100 delegados e 400 agentes da Polícia Federal foram colocados em prontidão para a prisão de Lula.


16:35 — Lula pode sair a qualquer momento do Sindicado dos Metalúrgicos

Lula já se despediu dos familiares e já conversou com os aliados. Deve deixar o prédio do Sindicado dos Metalúrgicos do ABC dentro de instantes, diz a Globo News.

Outras fontes indicam que agentes da Polícia Federal entraram disfarçados no prédio, hoje mais cedo, para estudar o local e determinar a melhor maneira de tirar o ex-presidente de lá.


16:25 — PT publica vídeo de “despedida” enaltecendo Lula

O PT liberou, hoje, um vídeo de propaganda política que faz referência à trajetória de Lula, tratando-o como herói. Veja:


16:15 — Marina Silva lança pré-candidatura e comenta situação de Lula

Marina Silva lançou sua pré-candidatura à Presidência da República pela Rede Sustentabilidade, na tarde deste sábado, em Brasília. Ela também comentou a situação de Lula, prestes a ser preso após ter sido condenado por corrupção: “Um ex-presidente da República poderia estar apto a fazer o que bem quisesse na política, sendo interditado pela Justiça, por erros”, disse.


16:00 — PM separa manifestantes pró e contra Lula em Curitiba

A Polícia Militar separou os grupos contrários e favoráveis ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva que estão em frente ao prédio da Superintendência da Polícia Federal em Curitiba, para onde Lula deve ser conduzido.


15:30 — MTST prepara cordão humano para a passagem de Lula rumo à prisão

Cresce a movimentação em torno do portão pelo qual Lula deve deixar o Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em São Bernardo, para se entregar à Polícia Federal. Manifestantes gritam palavras em apoio ao ex-presidente com a expectativa de ele deixar o prédio por volta das 16h30. O MTST prepara, inclusive, um cordão humano para passagem do carro que vai levar Lula. O ex-presidente deve se dirigir ao Aeroporto de Congonhas, onde já há um avião da FAB esperando para transportá-lo a Curitiba. Vários carros já deixaram o sindicato, incluindo um que, segundo relatos, levava o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad.

Militantes cercam o prédio do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, onde está Lula em 7-abr-2018

 (Diogo Max/EXAME)


15:20 — Avião da FAB que deverá levar Lula a Curitiba já está em Congonhas, diz G1

O avião da FAB que deverá levar Lula a Curitiba, onde ele será preso, chegou ao aeroporto de Congonhas, em São Paulo, há cerca de meia hora. Enquanto isso, em São Bernardo do Campo, cresce a movimentação em frente ao Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, de onde Lula deverá sair rumo a Congonhas.


15:00 — PF espera rendição de Lula em SP ainda hoje para conduzi-lo a Curitiba

A possibilidade de o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva ficar em São Paulo, após ser preso, não está em discussão nos termos de rendição que a Polícia Federal trata com emissários petistas, encabeçados pelo ex-ministro da Justiça José Eduardo Cardozo. Veja os detalhes.


14:30 — Prisão de Lula é tiro de misericórdia na esquerda latino-americana?

Especialistas ouvidos pela agência de notícias France-Presse (AFP) analisam o atual ciclo político na América Latina e constatam que a esquerda está em claro declínio no continente. “Com escândalos de corrupção, dirigentes na prisão e crise econômica em países como Brasil e Venezuela, a esquerda vai custar a se recuperar”, diz um deles.


14:00 — Lula deve se entregar à PF para ser preso após as 16:30

Informações do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, onde o ex-presidente Lula almoça com a família, indicam que ele deverá deixar o local às 16:30 para se entregar à Polícia Federal e ser preso. Ainda não sabemos exatamente qual será o destino de Lula. Mas é provável que ele siga para o aeroporto de Congonhas, onde deve embarcar rumo a Curitiba.


13:20 — PF pode buscar Lula no ABC em viatura descaracterizada

A Polícia Federal deve agir com cautela ao prender Lula para evitar tumultos ou violência. O uso de viaturas não identificadas como sendo da polícia é uma das possibilidades.


13:05 — Lula passa mal e médico é chamado

No carro de som em frente ao Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, pede-se a presença de um médico. O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva estaria “passando mal”. Na sequência, avisa-se que ele já está melhor: “Foi só o calor. Está tudo tranquilo”.


13:00 — Lula encerra discurso pedindo à militância que siga mobilizada

Lula encerra seu discurso em São Bernardo do Campo pedindo à militância que não se desmobilize: “Eles têm de saber que a morte de um comandante não para a revolução”. “Nossos verdadeiros amigos são aqueles que têm coragem de invadir um terreno para fazer uma casa, que têm coragem de fazer uma greve”. Gleisi Hoffmann reforça o recado pedindo à militância que vá a Curitiba protestar. Os seguidores presentes aplaudem e gritando palavras de ordem habituais do PT como “Lula, guerreiro, do povo brasileiro” e “Eu sou Lula”. O ex-presidente deixa o carro de som e volta ao prédio do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC.


12:45 — Lula sugere que vai se entregar à PF e pede censura à imprensa

“Vou atender ao mandado deles. Quero transferir a responsabilidade a eles”, disse o ex-presidente Lula em discurso em São Bernardo do Campo, dando a entender que vai se entregar à Polícia Federal. Lula ainda clama por censura à imprensa: “Eles têm que saber que vamos fazer uma regulação para que o povo não seja vítima da mentira”. E prega contra as privatizações: “Não vamos deixar venderem a Petrobras”. O tempo todo o discurso contrapõe “nós” e “eles”.

O ex-presidente Lula antes de discursar, um dia após não se entregar à polícia O ex-presidente Lula antes de discursar, um dia após não se entregar à polícia

O ex-presidente Lula antes de discursar, um dia após não se entregar à polícia (Paulo Pinto - PT/Divulgação)


12:40 — Lula acusa a imprensa e a Lava Jato de terem antecipado morte de Marisa

Lula segue distribuindo acusações em seu discurso para militantes petistas em São Bernardo. Muitas delas se dirigem à imprensa e à Justiça brasileira. “A antecipação da morte da Marisa foi obra da imprensa”, disse Lula. Ele também acusou os juízes, sem especificar quais, de fazer política em vez de fazer justiça. E atacou a rede Globo de televisão: “A Lava Jato e a Globo têm um sonho de consumo. Além de dar o golpe contra Dilma, querem que Lula não possa ser candidato. Outro sonho de consumo deles é ver Lula preso. Fico imaginando o ‘tesão’ da Veja em colocar, na capa, minha foto preso. Vão ter orgasmo múltiplo”, disse Lula.


12:30 — Lula ataca Deltan Dallagnol e a imprensa em discurso

Em seu discurso para apoiadores em São Bernardo do Campo, Lula ataca Deltan Dallagnol. Sem citar o nome do procurador, faz referência à confusa apresentação em PowerPoint em que Dallagnol tentou explicar as acusações contra Lula, sem muito sucesso. Seguindo a cartilha habitual dos líderes populistas, o ex-presidente também distribuiu ataques à imprensa: “Tenho mais de 70 horas de Jornal Nacional me triturando. Tenho mais de 70 capas de revistas me atacando”, disse. Os petistas presentes no local aplaudem.


12:25 — Lula relembra sua trajetória como líder sindicalista

Discursando para apoiadores em São Bernardo do Campo, Lula rememora sua trajetória como sindicalista. Ele lembra um acordo que fechou com as indústrias que foi muito criticado pelos trabalhadores mais radicais “Nos chamaram de pelegos”, disse.


12:00 — Lula discursa em São Bernardo e elogia aliados do PSOL e do PCdoB

Em seu discurso após a missa em memória de Marisa Letícia, Lula elogiou Eduardo Suplicy, que chegou a dizer que gostaria de acompanhar o ex-presidente na prisão. Também homenageou líderes sindicais e aliados como Paulo Boulos, do PSOL, e Manuela D’Ávila, do PCdoB. Mas falou pouco sobre Fernando Haddad, apontado como um possível candidato do PT à Presidência.


11:55 — O padre encerra a missa e artistas cantam antes do discurso de Lula

Artistas cantam uma longa canção que prega contra a televisão e conta a história de um líder esquerdista chamado Zé do Caroço. “A televisão brasileira distrai toda gente com sua novela”, diz a letra.


11:46 – Manifestantes pedem para Lula resistir, mas o presidente … 

“Aqui está o povo sem medo, sem medo de lutar”, gritam os manifestantes. O ex-presidente escuta, mas não faz nenhum aceno de que irá resistir.


11:39 – Padre volta a exaltar pacifismo em missa de Lula

Segundo ele, é importante que esse “povo pacífico” continue a se manifestar de maneira organizada nas praças e nas ruas contra a injustiça. Ele lembra a presença de outras lideranças religiosas no evento. Nesse momento, uma pastora luterana tem a palavra.


11:29 – “Não se entrega”, gritam manifestantes após leitura de palavra

“Podemos clamar, resistir, mas o nosso Lula em que vai dizer logo mais sua palavra”, afirmou um dos padres que conduz a cerimônia. Antes disso, ele recitou um texto bíblico que exalta os pacificadores:

Bem-aventurados os pacificadores, porque serão chamados filhos de Deus. Bem-aventurados os que sofrem perseguição por causa da justiça, porque deles é o Reino dos Céus”


11h15 – Fachin nega novo habeas corpus a Lula


10:50 — Começa a missa-comício com Lula em homenagem a Marisa Letícia

A missa em homenagem à ex-primeira dama Marisa Letícia, transformada em comício pelo PT, conta com a presença de artistas e de políticos como Dilma Rousseff. Lula é saudado pelos apoiadores e deve fazer discurso. Ele já está no caminhão de som.


10:40 — Lula se prepara para discursar em São Bernardo

Apoiadores do petista gritam “Lula, guerreiro do povo brasileiro!” enquanto aguardam o início do discurso.


10: 35 — Ordem de prisão é válida e PF faz ajustes finais para cumpri-la

A Polícia Federal quer evitar ir ao Sindicato dos Metalúrgicos do ABC prender o ex-presidente Lula, condenado por corrupção e lavagem de dinheiro. Lula está cercado de apoiadores fervorosos e uma ação policial no local poderia resultar em tumulto ou mesmo violência, avalia a polícia. O desfecho mais tranquilo seria Lula se entregar, como foi proposto pelo juiz Sérgio Moro. Mas o petista e seus aliados têm se esforçado para explorar politicamente a iminente prisão. Para o PT, é melhor que Lula seja capturado em público pela PF, o que reforçaria o discurso de vítima adotado pelo ex-presidente e pelo partido. A PF vem negociando com os advogados de Lula para chegar a uma solução aceitável para os dois lados.


10:30 — Petistas em São Bernardo dizem que Lula é inocente

Os petistas presentes em São Bernardo do Campo, onde está o ex-presidente Lula desde a noite de quinta-feira, seguem afirmando que ele é inocente — mesmo tendo sido alvo de extensa investigação e de uma condenação em duas instâncias judiciais.

Fernanda Lima, estudante ouvida pela reportagem de EXAME, veio até a vigília no Sindicato dos Metalúrgicos para protestar contra a prisão de Lula. “Acho injusto o que estão fazendo, porque não há provas do crime dele. Enquanto isso, há outros que têm provas e não foram condenados”. Ela acredita ainda que o ex-presidente não deveria se entregar. “Prefiro que ele resista”.

Fernanda Lima, estudante, protesta contra a prisão de Lula em 7 de abril de 2018

 (Diogo Max/Site EXAME)


10:15 — PT transmite ao vivo missa-comício em memória de Marisa Letícia

O PT iniciou a transmissão da missa em homenagem à ex-primeira-dama Marisa Letícia, morta no ano passado. A cerimônia conta com a participação de artistas petistas e deverá ter um discurso de Lula, que tem se empenhado em explorar politicamente sua iminente prisão. Veja o vídeo abaixo.


10:00 — Lula chora e grava vídeo que será divulgado pelo PT

Lula e seus aliados têm corrido para explorar politicamente ao máximo a iminente prisão do ex-presidente. O petista gravou a locução para um vídeo de animação que deverá ser divulgado pelo PT enquanto ele estiver preso. Segundo alguns dos presentes, Lula chorou ao relembrar sua trajetória.


9:30 — Apoiadores de Lula atacam repórter da rádio CBN

O repórter Pedro Duran (de camisa cor de rosa nesta foto), da rádio CBN de São Paulo, foi agredido por apoiadores de Lula nesta manhã no Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, onde o ex-presidente se encontra desde a noite de quinta-feira. Duran foi atacada por alguns dos petistas presentes, aos gritos de “Golpistas!” e “Fora rede Globo!”. Membros do sindicato intervieram para proteger o jornalista e permitir que ele se afastasse.

O Repórter Pedro Duran, da CBN, é agredido durante a cobertura da prisão de Lula

 (Diogo Max/Site EXAME)


8:50 – O que estava em jogo para Lula na negociação com a PF

Lula não queria passar a impressão de ter se “curvado” ao juiz Moro e à força tarefa da Lava Jato. Além disso, movimentos sociais que participaram das mobilizações em defesa de Lula fizeram chegar ao ex-presidente posicionamento contrário à rendição do petista. Alguns deles disseram que estariam dispostos a resistir fisicamente ao cumprimento do mandado de prisão. Entenda.

Ex-presidente Lula acena da janela do Sindicato dos Metalúrgicos em São Bernardo do Campo em 06/04/2018 Ex-presidente Lula acena da janela do Sindicato dos Metalúrgicos em São Bernardo do Campo em 06/04/2018

Ex-presidente Lula acena da janela do Sindicato dos Metalúrgicos em São Bernardo do Campo em 06/04/2018 (Leonardo Benassatto/Reuters)


8:04 – Para TV chinesa, Moro diz que não havia razões para adiar ordem de prisão

Em entrevista para a CGTN America, canal de língua inglesa da China Global Television Network, Moro afirmou que que não havia mais razões para adiar ainda mais a prisão do ex-presidente. “Ele [Lula] foi condenado por lavagem de dinheiro e corrupção. É preciso executar a sentença. Simples assim. Não vejo qualquer razão específica para adiar isso ainda mais”, disse, em entrevista realizada nesta sexta-feira  pouco antes do fim do prazo para Lula se apresentar. 


7:40 — Lula foi preso pela primeira vez há 38 anos. Veja como foi

Se o despacho do juiz Sérgio Moro for cumprido, Lula  deverá ser preso hoje e passará a cumprir sua pena de 12 anos e 1 mês de prisão por corrupção e lavagem de dinheiro. Nesse caso, essa não será a primeira vez que o líder petista vai para a cadeia. Lula esteve preso em 1980, em circunstâncias totalmente diferentes das atuais. Entenda.


7:20 – Lula vai falar hoje 

O Comitê Popular em Defesa de Lula e da Democracia, ligado ao PT, divulgou boletim na noite de sexta-feira, 6, no qual confirma que o ex-presidente vai se manifestar neste sábado, 7, durante missa em homenagem a sua esposa, Marisa Leticia, que faleceu no ano passado. A missa está marcada para ter início às 9h30, na sede do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC. Marisa faria aniversário no sábado.


7:12 – Ex-presidente passou a noite em SBC

Pela segundo dia seguido, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva passou a noite na sede da sede do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em São Bernardo do Campo (SP). No início da manhã deste sábado (7), um pequeno grupo de apoiadores do ex-presidente já se encontravam na porta do prédio. Imagens da GloboNews mostraram que alguns manifestantes acamparam na rua do edifício.

 

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Agildo Alves

    Eu acho que foi Che Guevara que falou essa frase, (Os poderosos podem matar uma, duas ou três rosas, mas jamais conseguirão deter a primavera inteira.) e não uma menina de dez anos lá em Catanduva.(SEU mentiroso)

  2. Carlos Francisco Tinoco Tinoco

    Não acredito nesse supremo tribunal de justiça !! Principalmente com os que hoje ali estão.

  3. Luis Claudio Faria Vieira

    Com todo respeito aos bons, mas aqui tem uma leva de repórteres lixo, os caras inventam demais e isto não é jornalismo sério.

  4. Para o bem do povo brasileiro e para a transferência do Mal para o Bem essa prisao é justa, evidente e marcante. Qual o saldo da liderança Lula e seus arautos: desemprego, desespero nas famílias, fuga dos investimentos, transferência do dinheiro e capital dos brasileiros para fora, evasão do trabalho brasileiro para fora, desmonte da indústria, crescente violência, domínio dos grupos armados, drogas, prostituicao dos jovens, insegurança, desconstrução da família brasileira. BASTA. Deus veio em nosso auxílio. A miséria moral da liderança Lula ao se arrastar aos pés dos empresários brasileiros maliciosos, para vender o Brasil em palestras “fake”, enquanto na esteira os negócios sórdidos, sujos, ocultos iam sendo fechados por esses malditos empresários, em todo mundo por métodos subterrâneos, para vergonha do Brasil, sofrerá um BASTA. Ainda que nossos principais juízes, figuras diabólicas, desfilam seus saberes retóricos e de nenhuma praticidade enquanto cerca de 750 mil brasileiros, presidiários em chiqueiros Humanos, que LULA MERECERIA ESTAR, buscavam na última sessão livrar esse cadáver da honra e do bem da família brasileira. José AAS

  5. Roberto Maio

    Deus tenha piedade da alma desse pecador!