Alckmin: turbulências políticas não mudam roteiro de concessões

O governo do estado de São Paulo assinou nesta terça-feira (6) o contrato para concessão do lote "Rodovias do Centro Oeste Paulista" com a Entrevias

São Paulo – Ao assinar o contrato para concessão de um lote de sete rodovias do Centro Oeste Paulista, governador Geraldo Alckmin (PSDB) afirmou que as turbulências políticas “não mudam nada” no roteiro da administração para o programa de concessões.

“Nós estamos com um cronograma rigorosamente em dia, as turbulências políticas não mudam nada em nosso roteiro, o que significa trazer mais investimentos, melhorar a infraestrutura de São Paulo gerar emprego e renda, ajudando a reativar a economia”, disse.

O governo do estado assinou nesta terça-feira, 6, o contrato para concessão do lote “Rodovias do Centro Oeste Paulista” com a Entrevias, empresa criada pelo grupo Pátria Investimentos para administrar a concessão.

Destacando que as obras feitas pela empresa vão gerar 400 empregos diretos e 750 indiretos no primeiro ano de operação, Alckmin afirmou que “tudo o que o Brasil precisa são novos investimentos”, e que a criação de empregos estimula o consumo.

Para o próximo mês, estão previstos mais dois leilões de concessão: um para a operação das linhas 5-Lilás do Metrô e 17-Ouro (monotrilho) e outro para a Parceria Público-Privada Nova Cidade Albor, que irá construir 13,1 mil moradias em Guarulhos, Arujá e Itaquaquecetuba, na Região Metropolitana de São Paulo.

Ainda neste ano, mas sem data definida, o governo prevê lançar editais para concessão de operação do Rodoanel Norte e do lote Rodovias do Litoral Paulista.