Aécio propõe que BNDES financie clínicas especializadas

Segundo Aécio Neves, a proposta seria uma forma de combater a carência de atendimento de saúde nas regiões afastadas dos grandes centros do país

São Paulo – O candidato do PSDB à Presidência da República, Aécio Neves, defendeu hoje (16) o finciamento de clínicas médicas especializadas pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

Segundo Aécio, a proposta seria uma forma de combater a carência de atendimento de saúde nas regiões afastadas dos grandes centros do país.

“No nosso governo, o S, de Social, do BNDES vai permitir, por exemplo, que o banco financie clínicas de diversas especialidades para jovens médicos formandos nas regiões em que o Ministério da Saúde detectar que exista carência de uma determinada especialidade: ortopedia, oncologia ou cardiologia”, explicou o senador mineiro, em entrevista coletiva na tarde desta terça-feira em um comitê de campanha na zona sul da capital paulista.

Pela proposta de Aécio, os jovens médicos pagarão os empréstimos atendendo à população na rede pública de saúde.

“O pagamento que esses médicos farão ao BNDES será por meio do atendimento de parte dos seus clientes via SUS [Sistema Único de Saúde]. É uma forma de permitirmos que aquele grande gargalo do atendimento especializado chegue nas várias regiões do país”, acrescentou.

Ainda na área de saúde, o candidato prometeu ampliar a rede pública com clínicas de atendimento especializado.

“Além disso, nosso compromisso de governo é com a criação de 500 clínicas onde o cidadão, com a sua consulta pré-marcada, possa chegar lá, ser atendido adequadamente, fazer os exames recomendados e sair com a medicação”, detalhou.

Segundo Aécio, as propostas fazem parte de um projeto para aumentar o investimento público em saúde.

“Nós vamos resgatar a capacidade de investimento do governo federal na saúde, que vem diminuindo ao longo desses anos e permitir que o BNDES seja um banco que atue efetivamente no desenvolvimento social do Brasil”.

Após a entrevista, Aécio seguiu para Aparecida, no interior paulista, onde participa, nesta noite, de um debate organizado pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).