Aécio Neves desvincula eleição em BH de pleito em 2014

Senador procurou desvincular o resultado das eleições em Belo Horizonte da política nacional e de uma eventual candidatura sua à Presidência da República em 2014

Belo Horizonte – O senador Aécio Neves (PSDB-MG) procurou desvincular neste domingo o resultado das eleições em Belo Horizonte da política nacional e de uma eventual candidatura sua à Presidência da República em 2014. Aécio apoia o atual prefeito da capital mineira, Márcio Lacerda (PSB), e seu oponente, Patrus Ananias (PT), tem como cabo eleitoral a presidente Dilma Rousseff.

Depois de votar na Escola Estadual Governador Milton Campos, na mesma seção de Lacerda, a 111ª, na 33ª zona eleitoral, o parlamentar fez um discurso otimista. Ele destacou que Lacerda fez uma campanha pró-positiva. “Todos aqui, ou pelo menos a maioria, somos mineiros, e como eu digo sempre, mineiros não colocam o carro na frente dos bois. Estamos em 2012”, disse, tentando desvincular o pleito atual do de 2014.

Pesquisa do Ibope mostrou que Lacerda teria 55% dos votos válidos, contra 40% de Patrus, mas outra sondagem, do Datafolha, indicou que o prefeito poderia ter 50% dos votos válidos, ante 43% do petista. Com isso, tornou-se incerta a reeleição do prefeito já no primeiro turno do pleito. Se isso não acontecer, será uma derrota política para Aécio.

Segundo o senador, o PSDB tem uma situação muito positiva no País inteiro. “Estamos disputando com chances em inúmeras capitais e em cidades com mais de 200 mil eleitores, em especial no Nordeste, onde o PSDB não tem tradição de disputar com chance de vitória. Estou muito feliz”.