Curtas – uma seleção do mais importante no Brasil e no mundo

ÀS SETE - Após mais de duas décadas de discussões, bancos e poupadores finalmente chegaram a um acordo de indenizações

Bancos e poupadores

Após mais de duas décadas de discussões, bancos e poupadores finalmente chegaram a um acordo nesta segunda-feira pondo fim a uma série de processos que se arrastavam por décadas. O encontro definiu o valor que as instituições financeiras pagarão para finalizar processos sobre a remuneração de cadernetas de poupança das décadas de 80 e 90. A estimativa do governo era de que o valor poderia chegar a 50 bilhões de reais, mas o acordo foi fechado em 10 bilhões de reais. Em nota, a Advocacia-Geral da União (AGU) afirma que pontos relevantes da conciliação ainda estão pendentes e que o texto final será submetido à apreciação do Supremo Tribunal Federal, a quem caberá a última palavra sobre o tema.

Às Sete – um guia rápido para começar seu dia

Leia também estas outras notícias da seção Às Sete e comece o dia bem informado:

Um economista para Bolsonaro

Nesta segunda-feira, em entrevista concedida ao jornalista Augusto Nunes no evento Amarelas Ao Vivo, da revista VEJA, Bolsonaro revelou que o renomado economista com quem vem conversando é Paulo Guedes, um dos fundadores do banco Pactual e do grupo financeiro BR Investimentos. Seria ele um dos nomes possíveis para ocupar o Ministério da Fazenda numa eventual vitória em 2018. “Ainda não existe um noivado entre nós, mas um namoro”, disse. “Se a gente teve um segundo encontro é porque houve uma certa simpatia.”

O novo presidente tucano

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), decidiu que concorrerá à presidência do partido. A convenção que define a cúpula nacional da legenda acontece em dezembro e o paulista deve ser candidato único. Com a ideia de atrair o PMDB para uma aliança no ano que vem, o governador de São Paulo ouviu no fim de semana de Marconi Perillo e Tasso Jereissati que, se Alckmin quisesse ser o nome de consenso, os dois retirariam as candidaturas. O anúncio ainda não foi feito oficialmente. Com a máquina partidária nas mãos, Alckmin dá um importante passo para consolidar sua candidatura à Presidência da República em 2018.

_

Barroso e o foro privilegiado

No evento Amarelas Ao Vivo, da revista VEJA, o ministro Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal, afirmou que o principal problema do tribunal é o foro privilegiado. “[A Corte] não exerce bem competências criminais”, disse. “É um papel que só traz desgaste porque, se o Supremo o exerce bem e consegue punir uma autoridade, cria-se uma tensão com a classe política. Se exerce mal, cria-se tensão com a sociedade.” Sobre a controversa decisão do Supremo a respeito do aval obrigatório do Congresso para o afastamento de parlamentares, Barroso foi otimista. “Olhando pelo lado positivo, você tem cinco ministros no STF dispostos a acabar com o pacto oligárquico do saque ao Estado. Talvez seja mais gente do que jamais antes.”

_

Ataques sujos contra Moro

Também entrevistado no evento de VEJA, o juiz federal Sergio Moro afirmou que sofre com “ataques sujos” de entes políticos por causa de sua atuação na Operação Lava-Jato. “Ao invés de eu discutir a responsabilidade, atacam as pessoas responsáveis pelos processos”, disse. “Mas eu estou absolutamente tranquilo com as coisas que eu fiz.” Moro, contudo, destacou mais uma vez o que vê como seu principal erro na condução das investigações. Chamou de algo “muito controvertido” a divulgação do diálogo entre Dilma Rousseff, então presidente da República, com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, quando ambos combinam a entrega do termo de posse como ministro da Casa Civil em 2016. “Fiz o que a lei exigia e o que eu entendia que fosse necessário”, afirmou. “Não eram exatamente conversas republicanas.”

_

Groupon + Peixe Urbano

Os sites de compras coletivas Peixe Urbano e Groupon Brasil anunciaram nesta segunda-feira a fusão de suas operações. Apesar disso, por ora as marcas serão mantidas e as plataformas continuarão funcionando separadas. Gradualmente, as ofertas serão integradas, segundo informou o Groupon em nota. “Juntamos a liderança do Groupon Brasil na cobertura do mercado de beleza e viagens locais à expertise do Peixe Urbano em gastronomia e entretenimento”, afirma Félix Lulion, presidente do Groupon Brasil. Na América Latina, o Groupon tem mais de 52 milhões de usuários. O Peixe Urbano é a maior plataforma de ofertas locais do Brasil, com mais de 28 milhões de usuários cadastrados.

_

Oi na pior

A telefônica Oi, que passa por um intenso processo de recuperação judicial, nomeou Eurico de Jesus Teles Neto presidente interino depois de Marco Schroeder ter renunciado ao cargo na sexta-feira, segundo a empresa informou em fato relevante enviado ao mercado. Teles Neto acumulará o comando da companhia com a diretoria jurídica até que o conselho administrativo delibere sobre a substituição permanente, declarou a empresa em fato relevante divulgado na noite de sexta-feira. Antes da renúncia na semana passada, Schroeder liderava as discussões com os credores que detêm maior parte da dívida da Oi, de acordo com pessoas familiarizadas com o assunto. A situação caótica pressiona o conselho e o presidente interino para obterem apoio suficiente a um novo plano de reestruturação antes de uma reunião crucial com os credores marcada para o início de dezembro. Fora do Ibovespa, as ações da ordinárias da empresa caíram 5,83%.

_

R$ 2,1 bi na Black Friday

O varejo digital alcançou um novo recorde de vendas na Black Friday deste ano, quando faturou 2,1 bilhões de reais nos dias 23 e 24 de novembro, um aumento de 10,3% em relação à mesma data do ano passado. As informações são da consultoria Ebit, especializada em informações sobre e-commerce. O número de pedidos também aumentou, chegando a 3,76 milhões, 14% mais do que em 2016. Apesar disso, o tíquete médio das compras caiu 3,1%, para 562 reais, segundo a Ebit, porque houve ações promocionais mais agressivas neste ano.

_

Smartfit no Bovespa Mais

A rede de academias Smartfit protocolou na CVM um pedido de conversão do registro de emissor de valores mobiliários da categoria “B” para a categoria “A”. A empresa também emitiu pedido de admissão à negociação de suas ações no Bovespa Mais, segmento para fomento de pequenas e médias empresas da B3. A categoria B permite a emissão de quaisquer valores mobiliários, exceto ações, o que é autorizado na categoria A, assim o pedido permitiria à Smartfit emitir ações. As solicitação foi aprovada em assembleia-geral extraordinária da companhia, realizada em 21 de novembro.

Vulcão na Indonésia

Cerca de 100.000 moradores tiveram de deixar suas casas, nesta segunda-feira, após o anúncio da erupção do vulcão Mount Agung. O vulcão fica na ilha de Bali, conhecida pelo surfe e pelo turismo, que atraiu mais de 5 milhões de pessoas no ano passado. A ilha está em alerta vermelho desde a manhã. Todos os aeroportos do país foram fechados e 445 voos foram cancelados. As medidas foram tomadas após o vulcão expelir uma coluna fumaça com 12 quilômetros de altura. Em 1963, o mesmo Vulcão causou a morte de 1.100 pessoas.

Honduras elege Nasralla

As primeiras informações oficiais desta segunda-feira indicam a vitória de Salvador Nasralla, da Alianza de Oposición contra La Dictadura. Nasralla é o candidato de oposição ao partido do presidente Juan Orlando Hernandéz. Com 57% das urnas apuradas, ele aparece com 45% dos votos. Em seu Twitter, o candidato já se intitulava novo presidente do país. Nasralla contou com o apoio do ex-presidente Manuel Zelaya, deposto em 2009 por um golpe organizado por Hernandéz. Também em seu Twitter, Zelaya escreveu: “Nós ganhamos”. A vitória de Nasralla não agrada aos Estados Unidos, que contavam com a reeleição de Hernandéz para manter sua influência na região. Segundo um porta-voz do governo americano, o país espera trabalhar em cooperação com Nasralla em “vários sentidos”.

Catalães querem a união

Uma pesquisa publicada nesta segunda-feira pelo jornal espanhol El País revelou apenas um quarto da população da Catalunha quer manter a declaração de independência da região. Já 71% dos entrevistados afirmaram que preferem que os candidatos eleitos dialoguem com o governo espanhol para achar um acordo entre a região e o país. Depois que o governo espanhol acionou o Artigo 155 da Constituição, a Catalunha deixou de ser uma região autônoma e novas eleições foram agendadas para dezembro deste ano. Embora os partidos pró-independência tenham sido autorizados a participar das eleições, a pesquisa apontou para uma provável perda de votos na região.

Conflito no Paquistão derruba ministro

Cerca de 2.000 manifestantes começaram a deixar as ruas da capital do Paquistão nesta segunda-feira depois de ter uma de suas reivindicações atendida. O ministro Zahid Hamid entregou sua carta de demissão nesta segunda, afirmando que a decisão foi motivada pela situação crítica do país. Islamabad é palco de uma série de conflitos entre um grupo de muçulmanos extremistas e o governo, que tentou, segundo o grupo radical Tehreek-e-Labaik, modificar o juramento do governo. A mudança consiste no discurso dos futuros candidatos, que poderão falar que Maomé é o último herdeiro do Islamismo (principal tema de discussão entre as correntes da religião). Para o grupo radical, essa afirmação é uma blasfêmia. No Paquistão, país de maioria muçulmana, insultar o profeta muçulmano é um crime hediondo punido sentença de morte. No sábado, um conflito entre manifestantes e policiais deixou sete mortos e mais de 200 feridos.