Curtas – uma seleção do mais importante no Brasil e no mundo

ÀS SETE - Parlamento da Catalunha voltou a se reunir nesta quarta-feira e elegeu o político pró-independência Roger Torrent como presidente

A repatriação da Apple

A fabricante de eletrônicos Apple, maior empresa do planeta, anunciou, nesta quarta-feira, que vai repatriar para os Estados Unidos boa parte dos 252 bilhões de dólares que tem em reservas internacionais e pagar em torno de 38 bilhões de dólares em impostos. É o maior anúncio de repatriação da história, e um endosso ao novo pacote de impostos do governo de Donald Trump. Durante anos, analistas especularam sobre quando a Apple, líder em reservas internacionais, traria o dinheiro de volta ao país. Agora, a nova taxa de impostos anunciada em dezembro foi decisiva. Para a Apple, a mordida será de 15,5%, mas o percentual varia de negócio para negócio. Segundo a agência Bloomberg, antes da nova política fiscal de Trump a tarifa média de repatriação era de 35%.

Às Sete – um guia rápido para começar seu dia

Leia também estas outras notícias da seção Às Sete e comece o dia bem informado:

Quem vai ficar com a Samarco?

A mineradora Vale está em conversas com a anglo-australiana BHP Billiton para saber o futuro da Samarco, parceria das duas mineradoras em Minas Gerais. Segundo o diretor de relações com investidores da Vale, André Figueiredo, a mineradora brasileira seria o “dono natural” da Samarco. “Talvez a Vale possa fazer com que ela volte a operar, mas volte a operar também no longo prazo. Existe uma disposição da Vale de resolver de forma permanente a questão da Samarco, e essa discussão passa pela discussão com o outro sócio, que é a BHP”, disse Figueiredo em encontro com investidores. A Samarco está com operações paralisadas desde o fim de 2015, quando uma de suas barragens se rompeu em Mariana (MG), deixando 19 mortos, centenas de desabrigados e poluindo o Rio Doce. No Ibovespa, as ações da Vale subiram 2,01% ontem.

_

Sobrou pra todo mundo na Caixa

Os oito vice-presidentes que permanecem na Caixa Econômica Federal passarão por uma avaliação técnica para saber se estão em conformidade com o estatuto do banco. A informação foi dada pelo ministro da Fazenda, Henrique Meirelles. Ontem, quatro dos vice-presidentes do banco foram afastados pelo governo federal por recomendação do Ministério Público Federal e do Banco Central, que investigam suspeitas de corrupção na Caixa. Segundo Meirelles, caberá ao conselho de administração do banco verificar o resultado e confirmar a permanência dos que restaram no cargo. O presidente da Caixa, Gilberto Occhi, nomeou nesta quarta-feira os substitutos interinos dos quatro afastados. Segundo a Caixa, a substituição vale por 30 dias.

_

Finalmente, acima dos 80.000

O Ibovespa subiu 1,7% nesta quarta-feira, fechando aos 81.189 pontos, depois de ter passado a marca dos 80.000 na terça-feira e ter fechado abaixo desse patamar. Entre as principais altas estão a ações da Petrobras, com 4,02%, as mais negociadas do dia. O maior avanço foi da empresa de saneamento Sabesp, com alta de 5,34%. A siderúrgica CSN também teve forte alta de 4,07%. Nas quedas, o pior desempenho ficou com a distribuidora de energia Copel, cujas ações caíram 2,22%. As ações das fabricantes de papel e celulose Fibria e Klabin também recuaram: 1,12% e 2,2%, respectivamente. O dólar teve queda de 0,37% e fechou cotado em 3,21 reais.

Bolsa Família “escravizante”

Em sua peregrinação pelos Estados Unidos, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), deu uma palestra nesta quarta-feira no Brazil Institute do Wilson Center, em Washington. A fala com tom de campanha serviu para criticar medidas do governo de Luiz Inácio Lula da Silva e de Dilma Rousseff, incluindo o programa Bolsa Família, de distribuição de renda. “Criar um programa para escravizar as pessoas não é um bom programa social. O programa bom é onde você inclui a pessoa e dá condições para que ela volte à sociedade e possa, com suas próprias pernas, conseguir um emprego”, disse. “É um programa liberal, que garante igualdade de condições, mas não da forma como foi conduzido pelo PT.” Outro alvo foi o Minha Casa, Minha Vida. Maia disse que se trata de “um projeto social malfeito” por estar desacompanhado de geração de renda para as famílias beneficiadas.

_

Presidente?

Em seu discurso, Rodrigo Maia tentou despistar sobre a candidatura a presidente da República, mas admitiu, quando perguntado, que pode entrar no jogo. “Hoje não, eu tenho 1% nas pesquisas. No dia em que eu tiver 7%, as coisas melhoram muito”, afirmou. O deputado democrata é um dos favoritos de partidos menores como nome para o Planalto pelas alianças firmadas com o centrão. O Solidariedade e o PP, por exemplo, são seus entusiastas.

_

Maluf na Papuda

O juiz Bruno Aielo Macacari, da Vara de Execuções Penais do Distrito Federal, negou nesta quarta-feira o pedido do deputado federal Paulo Maluf (PP-SP) de alteração do regime fechado para prisão domiciliar. A defesa protocolou a medida por causa do estado de saúde de Maluf, mas, após laudos policiais e do IML, o juiz determinou que Maluf continue no Presídio da Papuda. Em maio do ano passado, o ex-prefeito de São Paulo foi condenado a sete anos, nove meses e dez dias de prisão pela Primeira Turma do Supremo Tribunal Federal. O processo o acusa de lavagem de dinheiro em desvios de obras públicas na cidade, os quais totalizariam 1 bilhão de reais em prejuízos aos cofres públicos.

_

Parlamento catalão volta à ativa

Após as eleições de dezembro, o Parlamento da Catalunha se reuniu pela primeira vez, nesta quarta-feira, e elegeu o político pró-independência Roger Torrent como presidente. Além da eleição, parlamentares discutiram a retomada do poder do ex-líder Carles Puigdemont. Apoiadores e membros dos partidos separatistas querem sua volta, alegando que ele poderia governar a distância— por Skype. Puigdemont se exilou na Bélgica em outubro do ano passado, logo após declarar a independência da região. Ele não quer voltar à Espanha porque será julgado por rebelião e sedição. Um comitê do Parlamento será formado ainda hoje para discutir a volta do ex-líder catalão. O primeiro-ministro espanhol, Mariano Rajoy, rejeitou a possibilidade, afirmando que recorreria aos tribunais se a decisão fosse tomada.

Coreias unificam time para Jogos Olímpicos

A Coreia do Sul e a do Norte anunciaram, nesta quarta-feira, que vão unificar o time feminino de hóquei no gelo e caminhar juntas durante a cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos de Inverno, marcados para o mês que vem. A Coreia do Norte confirmou o envio de 550 membros da delegação olímpica para o país vizinho, que será sede dos Jogos de Inverno deste ano. Além dos atletas, o país enviará líderes de torcida, músicos, jornalistas e lutadores de tae kwon do. As Coreias negociam desde o início do ano o envio de atletas norte-coreanos. Após uma série de lançamentos de mísseis norte-coreanos e atividades militares da Coreia do Sul e dos Estados Unidos no ano passado, a presença do time norte-coreano é visto por muitos como um gesto de paz e de pausa nas trocas de ameaças.