A 10 dias da posse, Dilma faz dieta famosa para perder 13kg

Presidente está seguindo o método Ravenna para estar mais magra no dia da posse de seu novo mandato

São Paulo – Em 10 dias, Dilma Rousseff tomará posse de seu novo mandato. Até lá, a presidente reeleita ainda tem que decidir sua equipe ministerial, lidar com a crise na Petrobras e tudo isso sem descuidar da dieta. Isso porque a petista quer estar 13 quilos mais magra quando voltar a subir a rampa do Planalto. 

Segundo reportagem do jornal Folha de S.Paulo, a presidente já teria confidenciado a um interlocutor no início do mês que já conseguiu emagrecer 4 quilos.

Empolgada com os bons resultados, Dilma estaria indicando a dieta para todo mundo. Kátia Abreu, futura ministra da Agricultura, também já estaria fazendo o novo regime. Foram também duas ministras – Miriam Belchior (Planejamento) e Eleonora Menicucci (Políticas para as Mulheres) – que deram a dica para a presidente.

O método escolhido para eliminar os quilos adquiridos durante a campanha presidencial é o da clínica Ravenna, desenvolvido pelo endocrinologista argentino Máximo Ravenna. A dieta, que já é famosa entre as brasileiras, não é nada barata: é preciso desembolsar 790 reais no momento da adesão e mais 1.916 reais por mês.

Dilma tem seus pratos preparados pela chef do Palácio da Alvorada, Andréa Munhoz, que segue o cardápio montado pela clínica para a presidente. Entre as restrições impostas pela dieta, estão fora do cardápio de Dilma alimentos como farinha branca, doces e carboidratos. Também faz parte das recomendações tomar um caldo bem quente antes das refeições.