7 problemas burocráticos que você pode resolver pela internet

EXAME.com mapeou alguns serviços que podem ser resolvidos pela internet; veja quais são eles

São Paulo – Você já reparou quantas horas perdeu em filas para resolver questões burocráticas? E quantas vezes já se frustrou por não conseguir o que precisava? Pois alguns serviços oferecem soluções online para uma série de problemas.

EXAME.com selecionou algumas opções que permitem poupar tempo pela própria internet. Veja a seguir:

Certidão de antecedentes criminais – nacional

A Polícia Federal permite que os brasileiros consultem a existência de registros criminais pelo portal de serviços da PF. A certidão é emitida gratuitamente e vale por até 90 dias.

Para emitir o atestado é preciso preencher uma ficha com os nomes dos pais, data de nascimento, naturalidade, nacionalidade, número do passaporte, RG e CPF.

Clique aqui para emitir a sua certidão.

Certidão de quitação eleitoral– nacional

O eleitor que quiser comprovar a inexistência de pendências com a Justiça Eleitoral também pode pedir um atestado.

Para conseguir o certificado pela internet basta acessar o site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e fazer a consulta por nome ou número do título eleitoral.

Clique aqui para fazer a consulta por nome.

Clique aqui para fazer a consulta por título.

Extrato do FGTS – nacional

O extrato completo do seu Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) também pode ser consultado pelo portal da Caixa Econômica Federal.

Com o número de NIS (PIS/PASEP), o beneficiário deve preencher um cadastro na plataforma e dispor dos seguintes dados: nome da mãe, data de nascimento, município de nascimento, CPF, nacionalidade e título de eleitor.

Clique aqui para fazer o seu cadastro.

Transferência de pontos na CNH – em São Paulo

Desde o dia 1º de agosto, a prefeitura de São Paulo passou a disponibilizar um site para que a transferência de pontos de multas da CNH seja feita pela internet. Até então, o procedimento só poderia ser solicitado pelos correios ou pessoalmente, e levava, em média, dois meses.

A partir de agora, segundo a Secretaria de Mobilidade e Transportes (SMT), o serviço permite que o processo seja concluído em até dez dias.

Quem quiser solicitar a transferência deve se cadastrar no novo portal do Departamento de Operação do Sistema Viário (DSV) e ter em mãos o RG, CPF e o número do renavan do veículo.

Clique aqui para acessar o portal

Consulta de pontos na CNH – em São Paulo

O Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran-SP) disponibiliza uma plataforma para a pesquisa de pontos em decorrência de infrações cometidas pelos condutores.

Para ter acesso ao serviço, o usuário precisa se cadastrar no site e preencher algumas perguntas. Com o usuário e senha em mãos você consegue visualizar a pontuação total, tipo de infração, local, data e hora do ocorrido.

Clique aqui para fazer o seu cadastro.

Boletim de ocorrência – em alguns estados

Em alguns estados brasileiros já é possível registrar um boletim de ocorrência (BO) por meio das delegacias eletrônicas.

Vale lembrar que o serviço de BO pela internet é limitado para algumas ocorrências.

No estado de São Paulo, por exemplo, é possível registrar boletins por roubo ou furto de veículos e objetos, acidentes de trânsito e desaparecimento de pessoas.

Clique aqui para registrar um BO em São Paulo

Débitos do veículo – em São Paulo

A Secretaria da Fazenda do governo do Estado permite que os condutores consultem os débitos existentes relativos ao IPVA, multas de trânsito, taxa de licenciamento e DPVAT.

Para acessar a plataforma basta informar o número do Renavam e placa do veículo.

Clique aqui para fazer a consulta de débitos.

 

Extras

Consulta de nota fiscal – em São Paulo

A Secretaria da Fazenda do governo do Estado permite que os cidadãos consultem todos os documentos fiscais em que informaram o seu CPF no momento da compra.

Além de consultar as notas, o Programa Nota Fiscal Paulista devolve créditos do ICMS efetivamente recolhido pelo estabelecimento e faz sorteios com prêmios em dinheioro.

O contribuinte deve fazer um cadastro com número do CPF, data de nascimento, endereço e telefone de contato.

Clique aqui para fazer o cadastro de pessoa física.

Clique aqui para fazer o cadastro de pessoa jurídica.

Agendar doação de sangue – em São Paulo 

Para garantir atendimento rápido, a Fundação Pró-Sangue oferece aos doadores a opção de agendar um horário para a doação.

Com um cadastro prévio – informando e-mail, nome, data de nascimento e RG – você escolhe o posto que deseja doar sangue, a data e o horário.

Clique aqui para fazer o seu agendamento