45% dos paulistanos são a favor de parceria com setor privado para parques

Quando o assunto são privatizações, no entanto, a proporção de pessoas contrárias aumenta bastante

São Paulo – Quase metade dos paulistanos é a favor de fazer concessões ou parcerias com a iniciativa privada para os parques, segundo um levantamento do Instituto Semeia divulgado nesta quarta-feira (25).

As respostas são referentes tanto aos parques naturais (áreas de conservação ambiental mais afastados dos centros urbanos) tanto quanto aos urbanos (parques dentro das cidades).

Segundo a pesquisa, 45% dos entrevistados da cidade concorda que as concessões e parcerias com o setor privado podem ser positivas. 9% são contra. Mas a maior parcela ficou entre os que são indiferentes (29%) ou não souberam responder (18%).

Quando o assunto é privatizar os parques, no entanto, o apoio diminui: só 32% dos entrevistados se disseram a favor; 26% são contra; outros 24%, indiferentes; e os mesmos 18% não souberam responder.

A pesquisa foi feita em outras cinco regiões metropolitanas, além de São Paulo: Rio de Janeiro, Porto Alegre, Salvador, Manaus e Brasília.

Na capital fluminense, a maioria (53%) dos entrevistados é contra a privatização. Em Salvador, a proporção chama ainda mais atenção: só 3% dos entrevistados foram favoráveis e 77% se disseram contrários a essa possibilidade.

A média do Brasil, considerando essas seis regiões metropolitanas, é de 25% da população a favor das privatizações e 43% contra.

Em relação às concessões e parcerias, são 48% dos entrevistados a favor e outros 14% contra.

A pesquisa ouviu 815 pessoas, entre 2 e 7 de novembro de 2017, nas regiões metropolitanas das seis capitais citadas.

Opinião sobre as concessões e parcerias

Opinião São Paulo Rio de Janeiro Porto Alegre Salvador Manaus Brasília Brasil
A favor 45% 53% 60% 26% 57% 56% 48%
Indiferente 29% 16% 30% 22% 15% 28% 24%
Contra 9% 17% 6% 48% 22% 2% 14%
Não sabe 18% 14% 4% 3% 6% 14% 13%

Opinião sobre as privatizações

Opinião São Paulo Rio de Janeiro Porto Alegre Salvador Manaus Brasília Brasil
A favor 32% 23% 25% 3% 24% 14% 25%
Indiferente 24% 13% 20% 13% 20% 7% 18%
Contra 26% 53% 50% 77% 51% 60% 43%
Não sabe 18% 12% 5% 8% 6% 19% 14%