O que você deseja para 2014?

Para muita gente, o começo do ano é um símbolo de mudança. Um novo emprego, um pedido de aumento ou promoção, um MBA ou a retomada do inglês…as famosas resoluções de fim de ano representam a necessidade de muitos de desengavetar projetos e, enfim, tomar uma atitude. Há, porém, quem nunca chegue a dar esse passo. A lista de resoluções acaba se repetindo e, com poucas alterações, sendo sempre a […] <div class="read-more"><a href="https://exame.abril.com.br/rede-de-blogs/sua-carreira-sua-gestao/2014/01/08/o-que-voce-deseja-para-2014/" class="more-link">Leia mais</a></div>

Para muita gente, o começo do ano é um símbolo de mudança. Um novo emprego, um pedido de aumento ou promoção, um MBA ou a retomada do inglês…as famosas resoluções de fim de ano representam a necessidade de muitos de desengavetar projetos e, enfim, tomar uma atitude.

Há, porém, quem nunca chegue a dar esse passo. A lista de resoluções acaba se repetindo e, com poucas alterações, sendo sempre a mesma todos os anos. Seja por medo de conversar com o chefe, receio de não conseguir uma boa posição no mercado ou por dívidas que comprometem o orçamento, esses planos acabam sendo deixados para depois e, com o passar do tempo, não se tornam realidade. No longo prazo, encontramos profissionais frustrados, desatualizados e preteridos em oportunidades de carreira.

O segredo para sair desse círculo vicioso de planos adiados? Planejamento e um pouco de ousadia. Coloque metas claras para o que você quer. Seja disciplinado e faça uma revisão do que é preciso para chegar lá e do que terá que abrir mão para atingir o seu objetivo. Se o que deseja é uma nova oportunidade profissional, retome contatos, busque expandir os horizontes frequentando novos ambientes, arriscando-se a fazer ou aprender algo que nunca fez. Se a meta é conseguir uma promoção, abra o diálogo com seu gestor, mostre suas realizações, tenha coragem e autoestima para valorizar o seu trabalho.

Os nossos desejos nos levam a testar novos caminhos e a sair um pouco da zona de conforto, mas a meta é que sejamos mais felizes, motivados, realizados. Que em 2014 todos tenhamos foco e comprometimento – para que a nossa lista de resoluções seja sempre diferente a cada ano.

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s