Pedidos de doação de Doria começam a incomodar empresários

Eles têm adiado a presença em reuniões com o prefeito de São Paulo o máximo possível

São Paulo — A euforia de alguns empresários com o “prefeito gestor” de São Paulo, João Doria, parece ter esfriado. Cinco presidentes de grandes empresas de tecnologia, seguros e construção — que falaram a EXAME sob condição de não ser citados — estão entre os incomodados com constantes pedidos de doações e contribuições “espontâneas” para projetos da prefeitura paulistana.

Eles têm adiado a presença em reuniões com Doria o máximo possível. Em um recente evento com ele em São Paulo, um grupo de empresários disputava a última fileira de cadeiras do salão para ficar longe do radar da equipe do prefeito. Os incomodados argumentam ainda que os pedidos ocorrem sem que tenham tempo de avaliar em que projeto exatamente estão se envolvendo.

Procurada, a prefeitura de São Paulo diz que convida as empresas a participar dos processos de doação cumprindo os prazos legais e que conta com o espírito cidadão das companhias, “que entendem que uma cidade melhor as beneficiará”.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  1. Joao Fernando

    Tem que ensinar o paulistano a pescar, não dar o peixe.