Há espaço para um superministro no Brasil?

EXAME procurou antigos ocupantes do posto mais importante da economia para falar sobre a possibilidade de um todo-poderoso na condução da área

Uma das poucas definições do time de Jair Bolsonaro (PSL), caso eleito, é a nomeação do conselheiro econômico Paulo Guedes para um superministério. A ideia é juntar os ministérios da Fazenda, Planejamento, Indústria e Comércio, além da Secretaria-Geral da Presidência. Por não entender nada de economia, como vem repetindo na campanha, Bolsonaro delegaria para Guedes o planejamento, a execução e as negociações das políticas econômicas. EXAME procurou antigos ocupantes do posto mais importante da economia para falar sobre a possibilidade de um todo-poderoso na condução da área.

Maílson da Nóbrega, que ocupou o cargo por um ano e meio no governo de José Sarney, não enxerga viabilidade na estratégia. “O Ministério da Fazenda já é um gigante: ele toma facilmente 14 horas por dia do ministro. Como ele vai tocar os outros em grau de igualdade?”, diz Maílson. Um dos nomes do Plano Real e ministro do ex-presidente Itamar Franco, Rubens Ricupero não vê benefícios na fusão de ministérios: “Juntar tudo é uma bobagem. Você não consegue cortar gastos, pois são funcionários concursados, e assim fica algo impossível de manejar”.

A ideia, no entanto, ganhou eco em Antônio Delfim Netto, ministro da Fazenda, da Agricultura e do Planejamento durante o regime militar — ele mesmo considerado um superministro na época. “Ele poderia ter alguns subministros e atuar na coordenação. Se tiver um programa adequado, pode dar resultado”, diz Delfim. No início dos anos 90, a então ministra Zélia Cardoso de Mello absorveu seis Pastas, incluindo a do Planejamento e a da Indústria e Comércio. Não deu certo. Logo após o impeachment de Fernando Collor, Itamar Franco recriou os ministérios.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

  1. A strong title has your main keyword and this is short and meaningful.
    There are good quality courses also in market place.

    And always submit any new content you publish to those social providers.