Apetite para comprar

As operações de fusão e aquisição cresceram 34% de janeiro a maio no Brasil em comparação com o mesmo período do ano passado

As operações de fusão e aquisição cresceram 34% de janeiro a maio no Brasil em comparação com o mesmo período do ano passado, segundo levantamento da consultoria PwC.

Foram realizadas 322 transações, especialmente no setor de tecnologia da informação, que respondeu por 30% do total. Os investidores locais protagonizaram 71% das transações. “Os brasileiros estão otimistas com as perspectivas para as empresas”, afirma Leonardo Dell’Oso, sócio da PwC. “Já os estrangeiros seguem cautelosos, aguardando a aprovação da reforma da Previdência para investir.”