Abra suas asas

Parceria com a regional TwoFlex permite que a Gol amplie sua ofertas de voos na ponte-aérea Rio-São Paulo, mesmo sem os slots que eram da Avianca

A Gol pode não ter ficado oficialmente com nenhum dos slots — espaços de pouso e decolagem — do espólio da Avianca Brasil em Congonhas, mas mesmo assim conseguiu aumentar a oferta de voos na disputada ponte aérea Rio-São Paulo.

A companhia regional TwoFlex, do interior de São Paulo, está usando os 14 slots que recebeu da Agência Nacional de Aviação Civil em Congonhas para operar voos para a Gol ligando o aeroporto paulistano ao de Jacarepaguá, na capital fluminense, por cerca de 700 reais o trecho.

A parceria se repete em outros 30 destinos, de Belém, no Pará, a São Borja, no Rio Grande do Sul.