99 desiste de empreitada de bikes e patinetes no Brasil

Empresa importaria os equipamentos da China para baratear os custos, competindo com a brasileira Yellow e a mexicana Grin

O aplicativo de transportes 99, controlado pela chinesa Didi Chuxing, desistiu no final de janeiro de lançar seu serviço de aluguel de bicicletas e patinetes no Brasil. O negócio tinha equipe contratada e estratégia definida: importaria os equipamentos da China para baratear os custos. A meta era brigar pela liderança de um mercado que hoje tem empresas como a brasileira Yellow e a mexicana Grin. Segundo executivos próximos, o motivo do cancelamento é o mau momento da Didi e da empresa de bicicletas em que é sócia, a Ofo, no mercado chinês. Procurada por -EXAME,- a 99 não comentou.