10 livros sobre pragas e epidemias para ler durante a quarentena

História da literatura sempre viu terreno fértil para relatos sobre epidemias - da pura ficção científica com aliens e zumbis aos acontecimentos reais

Histórias de grandes desastres sempre serviram bem à literatura. Pragas e epidemias estão nesse rol de desastres que atraem o poder criativo de escritores ao redor do mundo. Seja pura ficção, seja baseada em fatos reais, as histórias do mundo sucumbindo a uma epidemia costumam servir de pano de fundo para discutir ideias maiores, como a fragilidade do tecido social, a solidariedade entre indivíduos em tempos conturbados e a tentativa de resposta para uma velha pergunta: na hora da crise, o ser humano se mostra essencialmente bom ou essencialmente mau?

Em época de quarentena por conta da pandemia do coronavírus, uma boa maneira de usar o tempo dentro de casa é tirar o atraso das leituras. Confira dez livros, dos já clássicos aos contemportâneos, que falam de epidemias e podem trazer algumas boas reflexões.