Politize! busca fortalecer a educação política no Brasil

"O reflexo de como as coisas funcionam no país vem da nossa própria sociedade", afirma Gabriel Marmentini, membro da ONG. Ouça a entrevista!

A onda de manifestações populares em 2013 mobilizou centenas de milhares de cidadãos indignados com o cenário político e o desempenho do governo brasileiro, mas também revelou um avançado “analfabetismo político” do cidadão comum. De olho nesse movimento, a ONG Politize! surgiu determinada a fortalecer a educação política como ferramenta para transformar o país.

A organização tem por objetivo explicar didaticamente o passo a passo do processo político através do seu portal online, mas também atua no modo “offline”, conforme explica Gabriel Marmentini, um dos integrantes da equipe executiva da organização. Através do programa Embaixadores Politize!, a ONG formou mais de 150 jovens líderes responsáveis por discutir a pluralidade, a empatia, o protagonismo e o conhecimento político em diversas comunidades do país. Até agora, os embaixadores já passaram pelas cidades de Florianópolis, Brasília, Belo Horizonte, São Paulo, Recife e Vitória. Em conversa com o Instituto Millenium, Gabriel conta como essa trajetória impactou mais de 8 mil brasileiros e continua a crescer:

“Percebemos uma lacuna muito forte na educação política durante as manifestações de 2013. As pessoas não sabiam muito bem como cobrar nem entendiam como as regras do jogo funcionam, ficou claro o analfabetismo político. Então, criamos esse mecanismo de conteúdos educativos para conseguir atingir muita gente de forma rápida. Em nossa frente offline, fazemos uma formação um pouco mais ‘fundo de funil’, através de palestras, dinâmicas, workshop e trabalhos em escolas. Queremos levar a educação política para todo o Brasil, a qualquer tempo e lugar, com uma experiência diferenciada”. Ouça a entrevista completa no player abaixo!

De acordo com um levantamento feito pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), no início de agosto, o número de jovens eleitores aptos a votar caiu de 1,6 milhão para 1,4 milhão, 14,53% a menos em relação aos últimos quatro anos. Gabriel acredita que essa é uma das grandes ameaças à democracia – a falta de interesse e de conhecimento dos cidadãos. Para ele, o desânimo generalizado com a política brasileira deve ser combatido para que haja mudanças relevantes na sociedade:

+ Conheça o programa Imil na Sala de Aula

“Temos que entender qual é o nosso papel, compreender como podemos nos engajar e de fato, fazê-lo, de forma inteligente e com bases. O problema maior somos nós mesmos. O reflexo do nosso Congresso, políticos, de como as coisas funcionam no Brasil, vem da nossa própria sociedade. E realmente isso dá trabalho, cansa em alguma medida, mas temos que entender, pois se não vamos continuar tendo os mesmos obstáculos de sempre. Estamos falando de mudanças que vão levar décadas, e quanto antes tivermos essa consciência e participar, melhor para todos nós”, ressalta.

Poder do Voto
O Politize! e o Instituto Millenium fazem parte das comunidades presentes no aplicativo “Poder do Voto” com a missão de emitir posicionamentos a respeito dos projetos em votação na Câmara dos Deputados e no Senado Federal. Ao baixar o app, os eleitores conseguem escolher um deputado e até três senadores para acompanhar ao longo do mandato e decidem sobre quais temas desejam ser informados, como saúde, educação ou segurança. Saiba mais sobre o aplicativo.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s