A reforma da Previdência acaba com o seguro-desemprego?

É fake! Áudio que circula nas redes sociais falta com a verdade ao tocar no assunto. Entenda com José Márcio Camargo

“A reforma da Previdência não toca no seguro-desemprego”, afirma categoricamente o economista José Márcio Camargo, um dos maiores especialistas em seguridade social no Brasil. Ao contrário do que dizem as fake news disseminadas em redes sociais e áudios do WhatsApp, o Instituto Millenium traz informações confiáveis para esclarecer o cidadão sobre a importância das reformas que farão o Brasil avançar. Ouça abaixo!

A reforma da Previdência interfere no seguro-desemprego? Mentira!

José Márcio Camargo: “A reforma da Previdência é uma reforma sobre Previdência Social. Uma coisa que, na primeira proposta do relator, de alguma forma poderia se relacionar ao seguro desemprego, era passar uma parte do dinheiro do FAT, que vai para o BNDES, para financiar a Previdência. Uma parte do dinheiro do FAT é usado para financiar seguro-desemprego e a outra parte vai para o BNDES. O relator da proposta tinha tirado essa parte do BNDES e colocado para financiar a Previdência. Mas no segundo relatório isso foi retirado, nem isso mais vai acontecer. O dinheiro do FAT vai continuar indo parte para o seguro-desemprego e parte para o BNDES. Não tem nada a ver com a reforma da Previdência. A reforma da Previdência não tem nada a ver com o seguro-desemprego.”

E aí? Vai acreditar em áudio de quem você nem conhece ou em uma das maiores autoridades do assunto? Acompanhe o trabalho do Instituto Millenium no Facebook, YouTube, Twitter, LinkedIn e Instagram!