Libere seu potencial criativo através da conexão corpo e mente

Conexão corpo-mente tem um alcance muito maior do que se imagina. Práticas de consciência corporal e respiração ampliam nossa capacidade mental e emocional

Conexão corpo e mente não é um conceito novo, mas tem um alcance muito maior do que você imagina. Práticas simples de consciência corporal e respiração agem como chaves que abrem portas e ampliam nossa capacidade mental e emocional!

 

Antes de continuar a ler este texto, pare um instante e observe como está seu corpo. Da ponta dos pés até o topo da cabeça, observe se você sente algum desconforto, dor ou tensão em alguma parte do corpo e se na medida que toma consciência é possível relaxar um pouco mais a musculatura envolvida. Talvez neste momento você esteja pensando “Nossa, não tinha nem notado!”

De forma geral todos nós transferimos nossas tensões mentais e emocionais para o nosso corpo e a repetição destes padrões mentais e emocionais vem acompanhada de tensões musculares.

Referências na conexão corpo e mente:

Este conceito de conexão corpo e mente não é novo, na verdade vários são os estudiosos neste campo. Quem tiver interesse em se aprofundar recomendo estudar Wilhelm Reich, Alexander Lowen e Moshe Feldenkrais.

Feldenkrais desenvolveu um método que leva seu nome. Ele propõe movimentos lentos com profunda consciência corporal, ajudando assim a perceber nossas tensões e libera-las, sendo que ao fazer estes movimentos no corpo, movemos também nosso pensar e sentir. Ele dizia: “Uma mudança fundamental na base motora, dentro de cada padrão simples de integração, quebrará a coesão do todo, e deste modo, o pensamento e o sentimento perdem sua sustentação nas rotinas estabelecidas. Nestas condições, é muito mais fácil efetuar mudanças no pensamento e nos sentimentos, porque o componente muscular, através do qual o pensamento e o sentimento alcançam nossa consciência, mudou e não mais exprime os padrões familiares preexistentes. O hábito perde seu maior suporte – o dos músculos – e se torna mais acessível à mudança.”

Resumindo:

Nosso corpo pode ser nosso grande aliado para nossa evolução. Através da consciência das tensões físicas, podemos perceber como nos sentimos e com movimentos corporais, podemos liberar nossas tensões e nos tornar disponíveis para mudanças na nossa forma de pensar e sentir.

Vivemos tempos onde parece que tudo ganhou um ritmo mais acelerado. E ao mesmo tempo que isto é ótimo, carrega em si um potencial de automatismo e falta de consciência. Cabe a cada um de nós fazer escolhas conscientes para nosso próprio desenvolvimento.

Escolha por onde começar:

Você quer despertar sua criatividade e sua capacidade de inovação? Além de várias abordagens teóricas, você também pode se beneficiar com práticas corporais que estimulam a consciência plena e a flexibilidade criando assim espaço para o novo. São várias as possibilidades como Yoga, Chi Kung, Tai Chi Chuan, ou até mesmo um simples alongamento. Vale conhece-las, testa-las e ver qual a prática que ressoa com seu estilo.

Que tal fazer um pequeno experimento hoje? Programe o alarme do seu celular para tocar 3 x ao dia e neste momento pare o que estiver fazendo por um minuto e com os olhos fechados observe todo o seu corpo (como fizemos no início deste texto). Perceba se existe alguma tensão e para esta parte tensa agora com os olhos abertos dedique mais alguns minutos com alguma prática simples de alongamento mentalizando sentir o fluxo da sua inspiração e exalação nesta área que está sendo alongada. Na sequência feche novamente seus olhos e apenas observe esta região que você acabou de alongar e perceba o que está diferente.

Espero que esta prática simples possa abrir novos espaços e expandindo seu corpo, mente e coração.