Saúde à mesa

Supermercados vão promover frutas cítricas para aumentar consumo

O Brasil produz uma infinidade de frutas de diferentes sabores, que agradam a paladares brasileiros e estrangeiros. Há frutas tropicais, exóticas e outras bem características conforme o clima de cada região.

No próximo mês de junho, a Produce Marketing Association (PMA) realiza uma campanha sazonal de promoção das frutas cítricas em 15 redes de supermercados de todo o País. O objetivo é aumentar o consumo e instruir os consumidores sobre as frutas da época.

Haverá degustação em várias lojas, distribuição de receitas e  encontro com produtores para conhecer o ciclo de plantio e colheita das frutas.

A ação conta com o apoio da Associação Brasileira de Citrus de Mesa (ABCM). O foco é promover a alimentação saudável e aumentar o consumo de frutas, legumes e verduras. Segundo números da ABCM, a venda de cítricos “in natura” no mercado interno gera US$1,8 bilhões, enquanto as exportações somam US$ 73 milhões. Já a indústria de sucos movimenta US$2,2 bilhões.

Entre as principais frutas cítricas estão: abacaxi, acerola, ameixa, amora, caju, cidra, cupuaçu, framboesa, groselha, jabuticaba, laranja, lima, limão, marmelo, morango, nêspera, pêssego, romã, tamarindo, tangerina e uva.

Os principais benefícios das frutas cítricas para a saúde é que são importantes para fortalecer o sistema imunológico e muito eficazes contra infecções, gripes e resfriados. Além disso, o ácido cítrico ajuda a melhorar a viscosidade do sangue e os flavonóides cítricos presentes nas laranjas, por exemplo, possuem ação que auxiliam na redução dos lipídios. Também atuam na prevenção do envelhecimento das células.

Esta ação pode promover saúde à mesa com preços melhores. Vamos ver se os consumidores aderem.

A campanha de citrus será realizada em 15 redes varejistas em todo Brasil: rede Oba, rede S.Paulo, Walmart, Mercadorama, BIG, Hiper Bom Preço, Nacional, Todo Dia, Maxi Atacado, Sam´s Club, Sacolão da Santa, Carrefour, Mambo, Nordestão e Hortifruti Natural da Terra.

Fique de olho.

Mauro Calil é fundador da Academia do Dinheiro