O Brasil é bom para caloteiros?

CAIXA VAI LANÇAR PROGRAMA COM DESCONTO AOS INADIMPLENTES

Três milhões de clientes da Caixa Federal estão em atraso no pagamento das prestações de imóveis financiados pela instituição. A justificativa é a recessão, que se prolonga há vários anos. Seria muito diferente se a economia estivesse pujante?

Fato é que a Caixa deve lançar um programa de renegociação na tentativa de recuperar  cerca de R$ 4 bilhões de recursos. O programa prevê descontos que podem chegar a 90% do valor da dívida. Os inadimplentes se financiam no mercado a taxas que podem chegar a 15% ao mês.

O banco quer negociar as dívidas com propostas atraentes. Aproximadamente 90% dos devedores têm o valor das prestações de até R$ 2 mil. Mas isso não quer dizer que seja 90% do valor total.

A proposta prevê  oferecer a esses mutuários  um empréstimo mais barato, como o consignado que tem taxas de 2 a 3% ao mês. O desconto mínimo a ser oferecido é de 40% .

Os devedores do Minha Casa , Minha Vida que já receberam juros subsidiados, não estão incluídos neste programa especial. A direção da Caixa prevê recuperar, pelo menos, R$ 1 bilhão. É uma ótima oportunidade para que os mutuários regularizem a situação dos seus imóveis e não corram o risco de perder o bem.  

A lição que fica é que parece ser um bom negócio ser caloteiro, o normal seria, por falta de pagamento, que essas pessoas tivessem seus imóveis retomados pela Caixa. Vamos lembrar que trata-se de uma instituição pública que deve satisfação a cada um dos 205 milhões de brasileiros e , não deveria favorecer seus apenas milhares de mutuários inadimplentes

Normalmente, esses imóveis deveriam ser colocados em leilão com valores abaixo do mercado.  

Mauro Calil é fundador da Academia do Dinheiro