EXAME une-se a outros 23 veículos de mídia para combater fake news

Uma coalizão de 24 veículos de mídia, incluindo EXAME, vai combater a disseminação de notícias falsificadas durante a campanha eleitoral deste ano

São Paulo — Pela primeira vez na imprensa brasileira, 24 veículos de mídia – incluindo EXAME – vão trabalhar juntos para combater a disseminação de notícias falsas durante a campanha eleitoral. O projeto Comprova, que será aberto ao público em 6 de agosto, foi apresentado hoje no congresso anual da Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo (Abraji), em São Paulo.

Os jornalistas dos veículos de informação participantes vão identificar e verificar informações, fotos e vídeos duvidosos. Nenhum desmentido será publicado sem que pelo menos três equipes diferentes concordem sobre a falsidade da informação.

Qualquer pessoa poderá sugerir vídeos, fotos e textos para serem verificados. Isso será feito, a partir de 6 de agosto, por meio do site do Comprova ou de um número do WhatsApp que será divulgado também em agosto. A coalizão só não vai verificar declarações de candidatos.

O Comprova nasceu de uma iniciativa do First Draft, grupo ligado ao Centro Shorenstein para Mídia, Política e Políticas Públicas, da Escola de Governo John F. Kennedy, na Universidade Harvard, dos Estados Unidos.

Esse mesmo grupo já organizou uma coalizão semelhante no ano passado, para combater as notícias falsas durante as eleições presidenciais francesas. No Brasil, a Abraji coordena a coalização, mas sem interferir nos conteúdos que serão divulgados.

Veja também

Além de EXAME, participam da iniciativa AFP, Band, Canal Futura, Correio, Correio do Povo, Folha de S.Paulo, GaúchaZH, Gazeta Online, Gazeta do Povo, Jornal do Commercio, Metro Brasil, Nexo Jornal, Nova Escola, NSC Comunicação, O Estado de S. Paulo, O Povo, Poder360, revista Piauí, SBT, UOL e Veja.

O projeto tem apoio do Google News Initiative e do Facebook Journalism Project.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s