Uber desafia Califórnia e mantém carros autônomos

Executivo explicou que o Uber não planeja obter uma autorização estadual e prevê continuar transportando passageiros em São Francisco

O Uber disse nesta sexta-feira que manterá seus carros autônomos nas ruas de São Francisco, desafiando a ordem do governo da Califórnia para a suspensão deste programa piloto de veículos sem motorista.

“Com todo o nosso respeito, não concordamos com a interpretação da regulamentação sobre carros autônomos do Departamento de Veículos a Motor (DMV) da Califórnia, em particular de que o Uber necessita de uma permissão para operar em São Francisco”, declarou Anthony Levandowski, vice-presidente para tecnologias avançadas da empresa.

Levandowski assinalou que seus automóveis ainda “são supervisionados por um operador a cada momento”.

O executivo explicou que o Uber não planeja obter uma autorização estadual e prevê continuar transportando passageiros em São Francisco, apesar da ameaça de uma ação judicial.

Em uma carta ao Uber, o advogado do DMV, Brian Soublet, afirmou que a autorização é necessária para proteger os usuários.

“É ilegal que a companhia opere veículos sem motorista em vias públicas enquanto não receber autorização para testar veículos autônomos”, escreveu o advogado.

Vinte empresas foram aprovadas para testar um total de 130 veículos autônomos, destacou o DMV.