Site neonazista americano é bloqueado na Rússia

O site The Daily Storme ajudou a promover a promover o protesto, que desencadeou na morte de uma jovem no último sábado em Charlottesville, na Virgínia

Moscou  – As autoridades russas bloquearam nesta quinta-feira o site do movimento neonazista dos Estados Unidos, The Daily Stormer, um dia depois da página se registrar com domínio “.ru”.

“O site The Daily Stormer faz propaganda da ideologia neonazista e incita ao ódio racial e nacional”, diz o comunicado do órgão de Inspeção de Comunicações da Rússia (Roscomnadzor).

O site, criado em 2013, mudou para um domínio “.ru”, depois que empresas americanas do registro se negaram a aceitá-lo em resposta aos atos de violência que aconteceram em Charlottesville, na Virgínia, nos Estados Unidos.

O Go Daddy, uma das grandes companhias de registro de hospedagem dos Estados Unidos e que até poucos dias atrás abrigava a polêmica página, no último domino deu 24 horas para o The Daily Stormer encontrar outro fornecedor, por violação das normas de uso.

A decisão foi tomada após inúmeros pedidos para a empresa, especialmente depois que o site publicou um artigo atacando Heather Heyer, a ativista que morreu no sábado ao ser atropelada por um jovem que participava da manifestação de supremacistas.

Os organizadores do The Daily Stormer, que ajudou a promover a promover o protesto, tinham tentado passar o registro para o Google, mas a empresa também cancelou o pedido.