Satélites da NASA ajudam a encontrar 17 pirâmides no Egito

Uma equipe de arqueólogos já confirmou a existência de duas das pirâmides por meio de escavações

Washington – Uma equipe de arqueólogos descobriu 17 pirâmides enterradas no Egito com a ajuda de imagens de satélites da NASA, segundo um documentário da BBC que será exibido na próxima segunda-feira.

Liderada pela pesquisadora americana Sarah Parcak, da Universidade do Alabama em Birmingham, a equipe já confirmou a existência de duas das pirâmides por meio de escavações.

A BBC, que financiou a pesquisa, divulgou nesta semana as descobertas antes de ir ao ar o documentário intitulado “As Cidades perdidas do Egito”, que descreve os resultados e as técnicas utilizadas.

“Eu não podia acreditar na descoberta”, disse Parack, citada pela BBC. “Escavar uma pirâmide é o sonho de todo arqueólogo”, afirmou.

A equipe de pesquisa também encontrou mais de mil tumbas e três mil câmaras, segundo o relatório.

Imagens em infravermelho captadas pelos satélites a 700 km de altura revelaram a presença das estruturas abaixo da terra.

Os satélites utilizaram poderosas câmeras que podem “localizar objetos com menos de um metro de diâmetro na superfície da Terra”, aponta o informe da BBC.

A densidade das construções de tijolos de barro colaborou com a tecnologia, pois foi possível ver claramente o contraste sob a camada menos sólida de terra.