Por enquanto, banda larga fixa “não será ilimitada”, diz Kassab

Segundo o ministro, a expectativa do governo é que "esse serviço (de banda larga fixa) seja o mais elástico possível, mas tenha um ponto de equilíbrio"

Em entrevista ao site Poder 360, do jornalista Fernando Rodrigues, o ministro de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações Gilberto Kassab afirmou que a Anatel deve definir, no segundo semestre, a questão das franquias de banda larga.

Segundo o ministro, a expectativa do governo é que “esse serviço (de banda larga fixa) seja o mais elástico possível, mas tenha um ponto de equilíbrio, porque as empresas têm os seus limites”, disse, indicando que o governo não se opõe a um modelo com franquias.

Kassab disse que “o governo vai estar sempre ao lado do usuário, e ficará muito claro isso”, mas que é preciso haver um “ponto de equilíbrio”, disse o ministro.

“Não será ilimitado. Vamos ser claros. Mas você pode até construir um programa que defina quando será ilimitado”, disse.

“Hoje, não tem condições de você impor. Até porque, se tivesse, já teria sido imposto. É inviável. Nós estamos num país sério. Um país em que concessionárias têm seus contratos, compromissos. E a gente tem que esticar o máximo. Não vamos ficar do lado das empresas. Estamos do lado dos consumidores. Esse limite é o máximo possível”, disse ele na entrevista.

Ele disse esperar que, no futuro, com a evolução das tecnologias, é possível pensar em um momento em que o tráfego de dados seja ilimitado, mas isso não é possível hoje.

“Um dia vai acabar (o modelo de franquias). Agora, eu falo como consumidor. A tecnologia está nos levando a tornar ilimitada. Vai chegar esse momento. Chegará o momento em que será ilimitada e com o custo adicional irrisório. Tenho certeza”.

Essa matéria foi publicada originalmente no Teletime.

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  1. Weslley A Harakawa

    Cada povo tem a Internet que merece com base em quem votou para governá-lo! Pais que limita sua Internet que é hoje declarado pela ONU como direito básico da humanidade limita seu crescimento e seu futuro.

  2. Rodrigo Pereira

    Absurdo! A banda larga fixa nunca foi limitada antes no Brasil, mas o atual governo apoia descaradamente as empresas em detrimento do consumidor, basta ler a matéria para ver como isso é explícito!

  3. Gustavo Henrique Morais Radaelli

    Man esse Kassab tem que tomar no meio do cu dele, esse filha da puta mente para as pessoas e fala ”que e bom para todos internet não ser ilimitada” esse fela não sabe merda nenhuma do que ta falando isso daí e choro das operadoras para os papais do estado so pq eles se fuderam com o publico. #forakassab #semnetlimitada #opeadoraschorolivre

  4. Edimilson lopes

    Eles deixaram a poeira abaixar para nós esquecer do assunto.
    Desse modo, temos que pedir ajuda para algum senador para apresentar uma lei a qual proíbe as operadoras limitarem a internet.
    Agora é a hora de pedir ajuda para aqueles que vocês votaram em 2014. Além disso, 99% não aprova essas medidas propostas pelas operadora.
    Se há pouca estrutura e muitos clientes, então deveriam investir em estrutura ao invés de explorar os burros dos brasileiros. (Desculpem-me, não são todos)
    Temos que pressionar o governo a criar uma lei que proíbe o corte, redução ou mesmo pacote extra.
    Este tal de Gilberto Kassab não está representando a vontade do povo.
    Em 2014, limitaram a internet móvel a qual você compra um pacote de 20 mega e o gasta antes mesmo de começar a usá-la.
    Ademais, as empresas querem lucrar em cima da população, a finalidade delas é o lucro.
    Se cortarem a nossa internet, haverá uma revolução no Brasil.
    O melhor jeito para vencer esta batalha é espalhando nas redes sociais para que todos tenham o conhecimento.
    Além disso, faço parte dos 99% dos que são contra a redução de banda ou corte da internet ou pagar a mais por excedentes.
    A internet é algo indispensável na atualidade, DEVERIAMOS era abrir mais espaço para que viesse mais concorrência para o Brasil.
    O limite de internet, portando, será um caos se adotarem essa medida também na Banda Larga Fixa, pois a tendência é a Internet das Coisas, Netflix, YouTube, Faculdades Online, Cursos com streaming ao vivo, e por aí vai. Além disso vale ressaltar que, caso apliquem um limite de dados, então quando o cidadão atingir esse limite terá que gastar ainda mais, ou seja, a internet ficará mais cara. Ademais, temos que ignorar o Gilberto Kassab, o qual está ao lado das operadoras, pois falou em ponto de equilíbrio, desse modo, entende-se a preocupação dele com as operadoras. Em conclusão, espalhem nas redes sociais que para que o Ministro mude a versão por uns dias, já passou da hora de criar uma lei e proibir o corte da internet. Não durmam, pois camarão de dorme a onda leva. Para podermos vencer, precisamos de cada soldado. Se quiser ajudar é só comentar em algum portal de notícias ou copiar e colar este texto.
    #SOUCONTRAREDUÇÂODAINTERNET

  5. A verdade é que isso é uma jogadas das Teles que são as mesmas que provêm serviços de TV a Cabo para tentar congelar a perda de clientes devido a novas tecnologias de streaming como Netflix, Amazon e Youtube. A Teles de TV a Cabo nunca perderam tanto clientes para novas tecnologias. O fato simples é que ele está de conchavo com as operadoras para tentar salvar a TV A CABO, poís é uma mídia morta, que além de ser paga tem propaganda a cada 5 minutos.

  6. Lucas Iwahashi

    Kassab e ficha suja, furrou com SP, removendo Outdoor e propagandas e agora vai mexer com uma comunidade inteira. A area ja esta se preparando para uma grande invasão em massa a Secretaria.