Nova York - Quatro anos após revelar seu óculos, o Google, unidade da Alphabet, encerrou diversos perfis de redes sociais relacionadas ao Google Glass, acabando com seus esforços para popularizar o caro dispositivo entre consumidores.

Nesta terça-feira, os perfis do Google Glass no Twitter, Facebook e Instagram foram desativados, noticiou o site 9to5Google.

Uma declaração na página do Google Plus dizia: "olá exploradores, tivemos um ótimo momento nos divertindo com vocês no G+ através do Programa Explorer". A mensagem continuava instruindo os usuários a entrar em contato com a página de suporte do Glass.

A empresa não quis comentar a decisão. O Google parou de vender o Glass no ano passado, observando que era hora de recomeçar sua estratégia, e o líder do laboratório de pesquisa Google X tem desde então dito que a empolgação com o aparelho, que custa 1.500 dólares, se tornou exagerada, considerando que era somente um protótipo e não um produto finalizado.

Tópicos: Alphabet, Google, Empresas, Tecnologia da informação, Empresas americanas, Empresas de tecnologia, Empresas de internet, Internet, Redes sociais