São Paulo -- O eBay lança, nos próximos dias, a versão brasileira do aplicativo eBay Moda, para smartphones e tablets. O app vai vender roupas, calçados e acessórios. É o primeiro produto com a marca eBay no Brasil, mas não deve ser o único. A gigante do comércio eletrônico planeja montar uma operação completa no país.

“Os artigos de moda são os mais procurados por brasileiros no eBay”, disse a EXAME.com Luis Arjona, o executivo responsável pela empresa no Brasil. “Moda é, também, a categoria com maior volume de vendas no site. E 15% dos brasileiros que vão ao eBay usam dispositivos móveis.”

Segundo a empresa, os brasileiros compram, no eBay, um par de óculos de sol masculinos a cada 8 minutos, um par de sapatos femininos a cada 6 minutos e uma bolsa feminina a cada 4 minutos, por exemplo. 

São números como esses que encorajaram a empresa lançar o eBay Moda no país. “É uma área em que podemos ser muito competitivos”, afirma Arjona. O eBay Moda deve ser liberado nos próximos dias para iPhone e iPad. Nas próximas semanas, sai a versão para smartphones e tablets com Android.

O app tem três seções: Eventos, Inspiração e Meu Feed. A primeira dá acesso a liquidações relâmpago. A segunda mostra conteúdo de blogs de moda e permite buscar roupas, calçados e acessórios. A terceira aba, Meu Feed, oferece produtos de acordo com o histórico de navegação e compras do usuário.

O pagamento é feito via PayPal, o sistema de pagamentos do eBay, disponível no Brasil há três anos. As informações são em português ou inglês (o usuário escolhe). E os preços são listados em dólares já com o valor equivalente em reais.

O app é bastante visual e sempre mostra as fotos em destaque. “Sabemos que o público que busca produtos de moda prefere ver fotos em vez de textos”, diz Ryan Melcher, diretor sênior de inovação em mobilidade do eBay. 

As mercadorias são vendidas por pessoas e empresas de diversos países. São elas que despacham os produtos diretamente ao comprador, que pode ter de pagar imposto de importação ao recebê-los.

Num primeiro momento, não deve haver mercadorias brasileiras à venda. “Qualquer pessoa pode vender no eBay, mas ainda não temos uma plataforma de vendas específica para os brasileiros”, diz Arjona. Essa plataforma deve vir com o tempo.

Entre os planos do eBay no Brasil está  oferecer uma versão do site em português nos próximos 12 meses. “O app é um passo para termos uma operação completa de comércio eletrônico no país. Estamos empenhados em expandir nossos negócios internacionalmente e o Brasil é uma das nossas prioridades”, diz Arjona. 

O eBay tem participação de pouco menos de 20% no MercadoLivre, a empresa com sede na Argentina que lidera o comércio eletrônico de consumidor a consumidor no Brasil e em outros países da América Latina.

Será que o eBay estaria interessado em adquirir o controle do MercadoLivre ou de outra empresa local? “O eBay já fez muitas aquisições. É uma opção que sempre consideramos”, responde Arjona.

Tópicos: Apps, Apps Android, Android, iPad, Apps para iPad, Apps para iPhone, iPhone, Comércio eletrônico, eBay, Empresas, Empresas americanas, Empresas de internet, Varejo, Lojas online