Aguarde...

Investimentos | 09/04/2014 18:31

Crowdfunding atrai investidores por ações em vez de óculos

Sites mais novos estão dando aos investidores a chance de ganharem algo mais do que brindes: dinheiro

Ari Levy, da

Matthew Lloyd/Bloomberg

Gamers usando aparelho de realidade aumentada, fabricado pela Oculus VR

Gamers usando aparelho de realidade aumentada, fabricado pela Oculus VR: oferta do Facebook deixou os 9.522 financiadores apenas com camisas e produtos de teste

San Francisco - A oferta de US$ 2,3 bilhões da Facebook pela Oculus VR deixou os 9.522 financiadores da campanha on-line de arrecadação de fundos da startup com camisas e produtos de teste.

A princípio, a Oculus arrecadou dinheiro na Kickstarter, um serviço que recompensa os doadores com versões de teste dos seus bens e outras compensações simbólicas.

Sites mais novos de crowdfunding (financiamento coletivo) estão dando aos investidores a chance de ganharem algo mais: dinheiro. A CircleUp Network oferece ações em empresas privadas e a Funding Circle permite aos investidores comprar dívida de empresas. Pessoas com formação universitária podem recorrer à Social Finance Inc. para refinanciarem empréstimos com ajuda de ex-alunos.

O mercado de crowdfunding está decolando, alterando a forma em que o capital é usado, à medida que projetos, empresas e indivíduos acodem à internet para arrecadarem fundos em vez de recorrerem a bancos e grandes empresas financeiras. Os reguladores também estão intervindo – a um ritmo mesurado – relaxando restrições que até agora têm limitado a forma em que empresas arrecadam dinheiro e quem pode ser um investidor.

“Será um grande mercado e transformará a forma em que muitas pequenas empresas se financiam”, disse Arun Sundararajan, professor da Leonard N. Stern School of Business da Universidade de Nova York.

Parques de skate

Uma pioneira do crowdfunding é a Kickstarter, com sede em Nova York, que permite a cineastas, fabricantes de hardware e designers de parques de skate arrecadar dinheiro de simpatizantes. Mais de 59.000 projetos arrecadaram um total de mais de US$ 1 bilhão desde a estreia do site há cinco anos. A rival Indiegogo Inc. contribuiu com milhões de dólares para milhares de campanhas no mundo inteiro desde 2008, segundo seu site.

15 ótimas ideias que viraram produtos graças ao Kickstarter

O Kickstarter bateu a icônica marca de um bilhão de dólares em doações para projetos. Veja 15 produtos tecnológicos que só nasceram graças a doações no site

A união faz a força
Divulgação/Facebook

São Paulo – No início de março, a maior plataforma de financiamento coletivo na internet, o Kickstarter, bateu um bilhão de dólares em doações. Graças ao serviço, diversos projetos se tornaram realidade, de uma maneira que seria impossível antes. Entre eles, alguns produtos de tecnologia que mudaram o mercado ou ainda estão por aparecer.

O Kickstarter mudou em parte a lógica do mercado. Não é mais preciso esperar por uma empresa criar algo, é possível juntar diversas pessoas e pagar para que algo interessante seja criado.

Veja a seguir 15 produtos de tecnologia que nasceram (ou estão sendo criados) no Kickstarter.

Comentários (0)  

Editora Abril

Copyright © Editora Abril - Todos os direitos reservados