São Paulo - A partir de outubro, clientes das páginas de comércio eletrônico das redes Casas Bahia, Extra, Ponto Frio e Barateiro poderão utilizar a carteira eletrônica MasterPass para finalizar suas compras.

O intuito é agilizar e facilitar o processo, além de impulsionar o uso da carteira no mercado brasileiro.

O lançamento faz parte de um grande acordo entre a Mastercard e a Cnova Brasil, empresa franco-brasileira que opera os sites participantes e que no ano passado movimentou 2 bilhões de reais.

Com o novo sistema, clientes deixam de lado a necessidade de preencher formulários com dados pessoais para completar cada compra. O consumidor pode manter essas informações, junto a detalhes de cartões de pagamento, registrados dentro da carteira eletrônica da Mastercard.

Segundo Marcelo Tangioni, vice-presidente de produto da Mastercard, a parceria com a Cnova é um "marco" para a entrada da MasterPass no mercado brasileiro.

"É o pontapé inicial", diz Tangioni, referindo-se ao tamanho da parceria e potencial volume de transações.

Tangioni acredita que o ecossistema brasileiro de pagamentos digitais, seja na web ou com smartphones equipados com NFC, atinge um novo momento de maturidade.

A regulamentação do Banco Central, o surgimento de novas carteiras, além de um vasto parque de terminais de pagamentos prontos para o NFC estão entre os facilitadores.

Hoje, a carteira eletrônica MasterPass é uma das iniciativas da empresa na área de pagamentos digitais.

A companhia possui um laboratório de inovação dedicado, em Dublin, onde pesquisa e desenvolve protótipos de produtos com potencial inovador dentro do setor.

Tópicos: Cartões de crédito, Setor de cartões, Pão de Açúcar, Varejo, Casas Bahia, Empresas, Globex, Comércio, Extra, MasterCard, Ponto Frio