São Paulo - O Brasil ultrapassou a marca de um celular por habitante, informa a Agência Nacional de Telecomunicações. Em outubro, foram 2.967.108 habilitações, um crescimento de 1,55% em relação a setembro. Com isso, o país chegou a 194.439.250 de acessos do Serviço Móvel Pessoal (SMP). Uma vez que a população, segundo últimos cálculos do IBGE, é de 193,6 milhões de habitantes, a chamada teledensidade é de 100,44 acessos por 100 habitantes (crescimento de 1,48% sobre o setembro).

No ano, o serviço registrou 20.479.882 de novas habilitações, o que representa um crescimento 11,77% e um aumento de 10,92% na teledensidade. Em outubro, 12 Estados já possuíam mais de um celular por habitante: Distrito Federal, São Paulo, Mato Grosso do Sul, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Goiás, Mato Grosso, Santa Catarina, Rondônia, Espírito Santo, Pernambuco e Paraná.

Tópicos: Celulares, Indústria eletroeletrônica, Tecnologia, Tecnologias sem fio