LG lança linha de TVs Oled no Brasil por até R$ 30 mil

Dois novos modelos de TVs chegam ao país com tecnologias padrão de 2017, mas com diferencial de oferecer tons pretos com maior impressão de profundidade

São Paulo — A LG anunciou hoje o lançamento de suas novas TVs com tecnologia Oled no Brasil. Dois modelos principais serão comercializados e promovidos no mercado brasileiro neste ano, o B7 (55 polegadas) e o E7 (65 polegadas). Seus preços são de 10.999 reais e 29.999 reais, respectivamente.

Os televisores contam com materiais orgânicos em suas telas, o que permite que a corrente elétrica ilumine os pixels diretamente. Com isso, não é necessário usar um painel de retroiluminação, como nas TVs LED ou de pontos quânticos.

Essa tecnologia de iluminação individual de pixels é chamada pela LG de pixel dimming e isso proporciona tons pretos mais escuros do que os que são mostrados por modelos concorrentes, de acordo com Igor Krauniski, gerente de produtos de TV da LG Electronics do Brasil.

Seguindo a tendência do ano no setor de TVs, os novos modelos Oled da LG têm processador com suporte para 10 bits de cores, o que permite a reprodução de 1 bilhão de cores. Com isso, as imagens mostradas são mais parecidas com as que vemos no mundo real.

Para reforçar a qualidade de imagem e seguir o padrão da indústria de cinema, as novas TVs contam com suporte para HDR ativo (HDR 10 e Dolby Vision). Assim como na fotografia, ele melhora contraste e brilho de imagens. Por ser ativo, a otimização do HDR é feita quadro a quadro com metadados dinâmicos armazenados nas imagens.

O modelo E7, de 65 polegadas, vem com uma soundbar integrada para deixar a experiência de ver filmes em casa mais parecida com a de ir ao cinema.

Ambos os modelos têm o sistema webOS 3.5, que permite o uso de aplicativos, como YouTube e Netflix, bem como outros apps com suporte para a plataforma.

Os novos modelos Oled da LG concorrem com as TVs Qled, da Samsung, que também têm HDR e 10 bits de cor, mas usa pontos quânticos em sua tela. Os aparelhos da LG também se posicionam na concorrência com os produtos mais recentes da linha XBR, da Sony.

LG-OLED-2017

Oled: televisão tem iluminação diretamente no pixel (LG/Divulgação)

Mercado de Oled

Segundo Roberto Barboza, vice-presidente de vendas na LG Brasil, os novos modelos de TVs Oled da marca serão fabricados em Manaus para oferecer um custo mais acessível ao consumidor.

“Acreditamos que iremos fechar o ano com o Oled representando de 1 a 2% do mercado de 4K. Estimamos para 2017 um mercado total de um milhão de peças para o 4K. É um produto que veio para ficar a LG deve investir muito dinheiro nessa tecnologia”, disse Barboza, em entrevista a EXAME.com.

Com a chegada dos novos modelos Oled, a linha de 2016 deixará de ser produzida e somente as peças que estão no estoque do varejo estarão disponíveis.

O que encarece o Oled? Barboza diz que é o volume menor de vendas do que o visto em modelos mais simples, com displays de LCD LED normais.

Para o modelo Signature, o mais sofisticado da empresa em âmbito global, o preço estimado de lançamento seria na faixa de 60 mil reais–isso se ela for fabricada no país. Importada, ela poderia sair mais cara. No entanto, esse modelo não tem previsão para chegar ao mercado nacional.