Huawei diz que esta foto é de seu smartphone – mas não é

Em redes sociais, a Huawei deu a entender que uma bela imagem havia sido feita com a câmera de um smartphone, mas não era bem verdade

São Paulo – A Huawei arrumou uma bela de uma encrenca nas redes sociais. A empresa sugeriu que a foto acima havia sido feita com um smartphone seu, o P9. A foto, muito bonita, foi publicada (por incrível que pareça) no Google+.

O problema é que algumas pessoas passaram a desconfiar. A equipe do site Android Pit achou que valia a pena analisar um pouco mais profundamente. A descoberta foi que a foto, na realidade, havia sido feita com uma câmera profissional. Mais especificamente, uma Canon EOS 5D Mark III com uma lente EF 70-200mm f / 2.8L IS USM II. Unidos, o corpo e a lente dos dispositivo custam mais de cinco mil dólares.

A investigação não levou muito tempo, já que as fotografias postadas na rede social do Google (assim como as publicadas no Flickr) preservam todos os dados sobre a câmera, lente e configurações, as chamadas Exif.

(Android Police)

Na publicação do Google+, que foi removida pela marca, a Huawei não afirma que a imagem foi tirada com o P9. Porém, a legenda sugere que a foto pode ser feita com o smartphone. Tire suas próprias conclusões com a postagem traduzida:

“Nós conseguimos pegar um nascer do sol lindo com a Deliciously Ella. A câmera dupla Leica do #HuaweiP9 faz com que seja um prazer tirar fotos em condições de baixa luminosidade como as dessa imagem. Reinvente a fotografia do smartphone e compartilhe suas fotos de nascer do sol conosco. #OO”.

Em resposta ao Android Pit, a fabricante disse que a imagem foi tirada profissionalmente para as filmagens de um anúncio do Huawei P9. De acordo com a marca, a foto foi publicada nas redes sociais para inspirar a comunidade. “Reconhecemos ainda que deveríamos ter sido mais claros com a legenda desta imagem. Nunca foi nossa intenção enganar.”

Se foi um engano mesmo, nós nunca saberemos. No entanto, vale ressaltar que propaganda enganosa é crime pela lei brasileira. De acordo com o artigo 37 do Código de Defesa do Consumidor, uma publicidade é considerada falsa quando induz o consumidor ao erro.

Não é a primeira vez que isso acontece com uma fabricante de smartphones. Em 2015, a Quantum foi pega utilizando imagens de banco de fotos para divulgar a câmera do seu aparelho, o Quantum Go.